Bolsonaro celebra, no Twitter, volta da energia no Amapá

Bolsonaro celebra, no Twitter, volta da energia no Amapá

No sábado, o presidente visitou a região, que sofre com apagão há 20 dias, acompanhando a ativação dos geradores termoelétricas

AE

Governo prepara uma medida provisória para isentar a população do Estado

publicidade

O presidente Jair Bolsonaro comemorou neste domingo o fim do apagão no Amapá, no Norte do Brasil. "Energia retornando no Amapá. Obrigado a todos pela acolhida", escreveu no Twitter. No entanto, moradores de vários bairros do município de Macapá relatam problemas com a energia.

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, disse que a isenção da conta de energia valerá pelos 30 dias anteriores à edição da medida, mas não anunciou quando o texto será assinado. O governo prepara uma medida provisória para isentar a população do Estado. O Tesouro deve fazer um aporte para bancar o benefício com custo entre R$ 45 milhões e R$ 80 milhões. Bolsonaro visitou o Amapá com o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Bolsonaro reconheceu que a população amapaense passou por dificuldades, mas afirmou que o governo federal prestou assistência. "Demoraria 90 dias para ser restabelecido (a energia). Mesmo não sendo atribuição federal, nós mergulhamos, especialmente por pedido do presidente do Congresso, Davi Alcolumbre", disse o presidente.

Sem energia, moradores viveram dias de terror no Amapá. O rodízio de luz atendeu principalmente bairros nobres, enquanto a periferia passou dias no escuro. Protestos em revolta ao apagão foram reprimidos com violência pela polícia. Bolsonaro não visitou o Estado nos dias de maior tensão.

Veja Também


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895