Bolsonaro sanciona crédito de R$ 690 milhões ao Poder Executivo

Bolsonaro sanciona crédito de R$ 690 milhões ao Poder Executivo

Presidente sancionou lei que permitirá direcionamento de verba a diversas pastas do governo federal

R7

Bolsonaro sancionou crédito nesta sexta-feira

publicidade

O presidente Jair Bolsonaro sancionou uma lei que abre crédito suplementar de R$ 690 milhões no Orçamento da União. A lei ainda será publicada em Diário Oficial da União (DOU) e, segundo a Secretaria-Geral da Presidência da República, a verba contemplará diversos órgãos do Poder Executivo. 

Receberão recursos: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento; Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações; Ministério da Educação; Ministério da Saúde; Ministério das Comunicações; Ministério do Desenvolvimento Regional e Ministério da Cidadania.

De acordo com a secretaria, os recursos serão aplicados de diversas maneiras:

- Atendimento de despesas relacionadas à produção e ao fornecimento de radiofármacos;
fortalecimento do Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária;
- Projetos de inclusão digital;
- Sistema público de abastecimento de água em municípios com até 50 mil habitantes;
- Educação básica. 

A secretaria não informou o montante que será destinado a cada uma dessas finalidades e o crédito será proveniente da “incorporação de superávit financeiro apurado no balanço patrimonial da União do exercício de 2020”.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895