capa

Chanceler retira Sérgio Amaral da Embaixada do Brasil nos Estados Unidos

Documento não indica substituto para diplomata brasileiro em Washington

Por
AE

No mês passado, Bolsonaro disse pretender trocar cerca de 15 embaixadores brasileiros

publicidade

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, removeu o embaixador Sérgio Silva do Amaral da Embaixada do Brasil nos Estados Unidos, e o transferiu para o Escritório de Representação em São Paulo. A decisão consta de portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU). O documento não indica quem substituirá Amaral na embaixada em Washington. A saída de Amaral é a primeira de uma série que deverá ocorrer daqui para frente em postos-chave do País pelo mundo.

No mês passado, o presidente Jair Bolsonaro disse que pretende trocar cerca de 15 representações diplomáticas do Brasil, incluindo países como Estados Unidos e França. Bolsonaro quer fazer as mudanças para "melhorar sua imagem no exterior". Em outra portaria, o chanceler também transfere o embaixador Douglas Wanderley de Vasconcellos da Embaixada do Brasil em Basseterre (capital de São Cristóvão e Neves, no Caribe) para a Secretaria de Estado.