Composição do governo de Leite deve ser concluída até a véspera da posse
capa

Composição do governo de Leite deve ser concluída até a véspera da posse

Futuro governador anuncia novos secretários entre hoje e amanhã

Por
Correio do Povo

Eduardo Leite deverá ter 23 secretários em seu governo

publicidade

O governador eleito Eduardo Leite irá anunciar na tarde desta quinta-feira o futuro secretário da Saúde. Para esta sexta, Leite pode divulgar o nome de quem será o titular da Pasta da Educação, um dos últimos a serem confirmados. No entanto, a composição da próxima gestão deverá ser concluída apenas na segunda-feira, véspera da posse no Palácio Piratini.

A projeção é de que o governo tenha 23 integrantes no primeiro escalão. São 20 secretarias, além de uma secretaria especial – que será ocupada por Ana Amélia Lemos, em Brasília – e outros dois órgãos com status de secretaria. Deste total, 15 nomes já foram anunciados. O atual governo, de José Ivo Sartori, encaminhou à Assembleia o projeto de reestruturação do Executivo.

Durante visita ao Correio do Povo nesta quinta, o futuro chefe do Executivo projetou os 100 primeiros dias como “um momento de estruturação do governo”. Ele voltou a defender diálogo com o governo federal como forma de aliviar a situação financeira dos estados.

• Secretários confirmados para o governo de Eduardo Leite:

Covatti Filho (PP) - AGRICULTURA, PECUÁRIA E DESENVOLVIMENTO RURAL
Elegeu-se deputado federal pela segunda vez em 2018. Na Câmara dos Deputados, atua junto à bancada ruralista.

Otomar Vivian (PP) - CASA CIVIL
Presidiu o Instituto de Previdência Social do Estado na gestão de José Ivo Sartori; titular da Casa Civil de Yeda Crusius; prefeito de Caçapava do Sul; e deputado estadual.

Tânia Moreira - COMUNICAÇÃO
A jornalista coordenou a comunicação da campanha de Eduardo Leite. Foi secretária municipal de Comunicação do prefeito Nelson Marchezan Júnior (PSDB)

Beatriz Araújo - CULTURA
Produtora cultural, foi secretária municipal da pasta em Pelotas duas vezes. Coordenou projetos culturais privados e presidiu o Conselho Municipal de Cultura de Pelotas.

João Derly (Rede) - ESPORTES E LAZER
Ex-judoca campeão olímpico, elegeu-se vereador de Porto Alegre em 2012. Em 2014, conquistou uma vaga na Câmara dos Deputados. Não se reelegeu.

Marco Aurélio Santos Cardoso - FAZENDA
Funcionário de carreira do Banco Nacional de Desenvolvimento, foi secretário municipal da Fazenda do Rio de Janeiro (2009-2012).

Cláudio Gastal (PPS) - GOVERNANÇA E GESTÃO ESTRATÉGICA
O empresário foi presidente do Movimento Brasil Competitivo e faz parte da equipe de transição do governo eleito.

Luís da Cunha Lamb - INOVAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA
Professor de Informática na UFRGS, atualmente ocupa o cargo de pró-reitor da pesquisa na universidade.

Catarina Paladini (PR) - JUSTIÇA, CIDADANIA E DIREITOS HUMANOS
Bacharel em Direito, foi Secretário do Trabalho e Desenvolvimento Social na gestão Sartori. Foi deputado estadual em dois mandatos pelo PSB, hoje é suplente.

Artur Lemos (PSDB) - MEIO AMBIENTE E INFRAESTRUTURA
O advogado foi secretário de Minas e Energia no governo Sartori. Presidiu a Fundação Zoobotânica na gestão Yeda.

Leany Lemos (PSB) - PLANEJAMENTO
Servidora do Senado, ocupou o cargo no DF na gestão de Rodrigo Rollemberg (PSB). É suplente da senadora eleita Leila do Vôlei, pelo DF.

Eduardo Cunha da Costa - PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO
Procurador de carreira da Procuradoria-Geral do Estado, exerce a função de procurador-geral adjunto para assuntos jurídicos desde 2016.

Ana Amélia Lemos (PP) - RELAÇÕES FEDERATIVAS E INTERNACIONAIS
Senadora desde 2010, concorreu à governadora em 2014 e vice-presidente da República na chapa de Geraldo Alckmin (PSDB) na eleição deste ano.

Delegado Ranolfo Vieira (PTB) - SEGURANÇA
Chefe da Policia Civil durante a gestão de Tarso Genro (PT). Acumulará a pasta da Segurança e vice-governadoria.

Juvir Costella (MDB) - TRANSPORTES
Servidor estadual aposentado, elegeu-se pela segunda vez deputado estadual. Foi secretário do Turismo, Esporte e Lazer em 2015.