Deputado Issur Koch diz que votará contra PL do Magistério se texto não for alterado
capa

Deputado Issur Koch diz que votará contra PL do Magistério se texto não for alterado

Essa é mais uma baixa da base aliada em relação ao projeto que está na Assembleia

Por
Flavia Bemfica

Deputado Issur Koch (PP) em encontro com professores, em Sapiranga

publicidade

O deputado estadual Issur Koch (PP) disse nesta terça-feira em Sapiranga, durante encontro com professores da região no Instituto Estadual de Educação, que se o projeto do Executivo que muda o plano de carreira do magistério (o PL 507/2019) não for alterado, votará contra o texto.

“Da forma como a proposta foi apresentada à Assembleia Legislativa e, principalmente, sem dar oportunidade de discussão nas comissões temáticas, possibilitando aos deputados que pudessem ouvir todas as partes interessadas, não tenho como votar a favor. Sou professor e estou deputado”, assinalou o parlamentar.

É a primeira dissidência oficial no PP, segundo maior partido da base de apoio do governador Eduardo Leite (PSDB) na Assembleia Legislativa, com seis parlamentares. É do PP também a chefia da Casa Civil e a liderança do governo na Assembleia.

Mais cedo, os deputados estaduais Elton Weber e Franciane Bayer, ambos do PSB, também anunciaram que vão votar contra o projeto caso não haja mudanças. Na avaliação de Weber e de Francine, o projeto elaborado por Leite é injusto com os professores, desestimula os educadores a se qualificarem e agrava desigualdades em relação a outras categorias.