Deputados dizem que entrarão com habeas corpus para Zé Trovão

Deputados dizem que entrarão com habeas corpus para Zé Trovão

Declaração ocorreu no Palácio do Planalto após reunião com o presidente Jair Bolsonaro e caminhoneiros

R7

publicidade

O deputado federal Major Vitor Hugo (PSL-GO), ex-líder do governo na Câmara, afirmou, na tarde desta quinta-feira, que entrará com um habeas corpus (pedido de liberdade) preventivo a favor do caminhoneiro Zé Trovão. 

"Fruto da nossa conversa e também de tudo aquilo que a população brasileira sinalizou quando foi às ruas neste feriado de 7 de Setembro, quando comemoramos 199 anos da nossa independência e nossa luta pelas liberdades individuais, em particular a liberdade de ir e vir, a liberdade de culto e a liberdade de expressão, nós tomamos a decisão, (...) vamos impetrar um habeas corpus (...) para garantir a liberdade do Zé Trovão", afirmou. 

Após reunião com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o congressista deu a declaração no Palácio do Planalto, sede do Poder Executivo, ao lado dos deputados federais Bibo Nunes (PSL-RS) e Carla Zambelli (PSL-SP) e de um grupo de caminhoneiros. 

Zé Trovão teve a prisão determinada pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), por ameaças à democracia. Moraes é o principal alvo de críticas de Bolsonaro e manifestantes favoráveis ao governo federal. 

Vitor Hugo disse esperar que mais deputados federais do PSL também assinem o pedido de liberdade para Zé Trovão. Disse, ainda, aguardar que integrantes de outros Poderes (Legislativo e Judiciário) endossem a solicitação para que haja pacificação. 

"É o gesto que nós faremos esperando que os outros componentes da Praça dos Três Poderes também façam gestos em prol da pacificação e da harmonia necessária entre os Poderes para que haja autocontenção dos Poderes em face das atribuições dos demais. É o que todos nós queremos", afirmou o deputado federal.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895