Fortunati presta contas das gestões à frente da prefeitura de Porto Alegre

Fortunati presta contas das gestões à frente da prefeitura de Porto Alegre

Também foram divulgados os resultados dos contratos de gestão de 2016

Cláudio Isaías

Fortunati prestou contas das gestões entre 2005 e 2016

publicidade

O prefeito José Fortunati e o vice-prefeito Sebastião Melo apresentaram nesta segunda-feira os resultados das contas do governo municipal no período de 2005 a 2016. Além disso, foram divulgados os resultados dos Contratos de Gestão do ano vigente. O encontro foi realizado no Hotel Continental, em Porto Alegre, e contou com a participação de todo o secretariado.

Fortunati destacou a valorização dos servidores municipais através da capacitação do projeto Matriz do Desenvolvimento de Lideranças que certificou mais de 1,4 mil pessoas em 75 turmas e a adesão de quase 30% dos funcionários ao plano de saúde. Na área de finanças, a prefeitura informou que através do leilão de índices foram captados mais de R$ 135 milhões que foram aplicados em projeto de Mobilidade Urbana. Com o Recadastrapoa, 55 mil imóveis passaram por vistoria e mais de 16 mil tiveram alteração cadastral. Na área da educação, o prefeito destacou a ampliação de 9.406 vagas nas escolas da rede municipal (64,60%) e a ampliação de 94 creches (72,30%).

Também foram distribuídos 46.034 uniformes na rede municipal de ensino em 2016. Nas instituições de ensino, foram distribuídas cinco refeições por dia e realizadas oficinas de cultura e robótica e de estudo de idiomas. Também foram feitas atividades de reforço escolar e de esporte. Fortunati ressaltou ainda a construção de três escolas de ensino fundamental Rincão, Moradas da Hípica e Porto Novo.

Na área esportiva, o município instalou 15 academias ao ar livre em praças e parques. A Secretaria Municipal de Esportes realizou 54 mil atendimentos gratuitos realizados por atletas amadores. Pelo menos 600 crianças participaram de atividades através de convênio com os clubes sociais de Porto Alegre.

No Social Futebol Clube, 1,2 mil crianças participaram de atividades com ex-atletas e servidores das secretarias municipais de Educação e do Esporte no turno inverso das escolas. O Esporte dá Samba realizou a formação de 3,5 mil crianças em práticas carnavalescas. O ônibus Brincalhão fez 146 mil atendimentos. Na área de Mobilidade Urbana, Porto Alegre foi a primeira capital com plano diretor de acessibilidade com 71 táxis acessíveis e 1.205 ônibus adaptados.

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895