Israel envia grupo de especialistas para região de queimadas na Amazônia
capa

Israel envia grupo de especialistas para região de queimadas na Amazônia

Delegação de especialistas em catástrofes naturais vem ajudar o Brasil nos incêndios

Por
AFP

Área queimada em Altamira, no estado do Pará

publicidade

O governo israelense anunciou o envio, a partir desta terça-feira, de uma delegação de especialistas em catástrofes naturais para ajudar o Brasil nos incêndios que devastam a Amazônia. "Uma delegação israelense de bombeiros e especialistas em resgate parte para o Brasil para ajudar as autoridades locais", informa o Ministério israelense das Relações Exteriores em um comunicado.

Os incêndios que ardem em diversas regiões da Amazônia colocaram o Brasil sob forte pressão da comunidade internacional, provocando uma crise diplomática com a França. Para o presidente francês, Emmanuel Macron, a soberania sobre a Amazônia é uma questão em aberto.

O presidente Jair Bolsonaro rejeitou uma ajuda de 20 milhões de dólares desbloqueada pelos países-membros do G7 para lutar contra as chamas na Amazônia, exigindo uma retratação de Macron antes de avançar em qualquer discussão sobre o tema. O Brasil aceitou, contudo, a ajuda de Israel, que já havia oferecido, na semana passada, o envio de "100 toneladas de material de combate a incêndios".

As relações entre Brasil e Israel se viram reforçadas desde a eleição de Bolsonaro, um aliado próximo do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu. No final de março, o presidente Bolsonaro esteve em Israel, três meses após uma visita de Netanyahu ao Brasil. "A cooperação política e estratégica é muito estreita entre os dois países", destacou hoje a Chancelaria israelense.