Mônica Leal assume como prefeita em exercício até domingo

Mônica Leal assume como prefeita em exercício até domingo

Ela ocupa o cargo em razão das viagens do prefeito do vice, que cumprem agendas oficiais fora da cidade

Cláudio Isaías

Para Mônica Leal, “esta é uma oportunidade ímpar, como presidente do Legislativo, poder ficar mais próximas das ações da gestão municipal".

publicidade

A presidente da Câmara de Vereadores, Mônica Leal (PP), se tornou nesta sexta-feira a sétima mulher a assumir como prefeita de Porto Alegre. Ela ocupa o cargo até este domingo, em razão das viagens do prefeito Nelson Marchezan Júnior e do vice-prefeito Gustavo Paim, que cumprem agendas oficiais, fora da cidade. A solenidade de posse realizada no Paço Municipal contou com as principais lideranças de seu partido, como o senador Luiz Carlos Heinze, e o presidente estadual da sigla, Celso Bernardi, os vereadores Cassiá Carpes, Lourdes Sprenger, Moisés Barboza, Ricardo Gomes, Reginaldo Pujol e Mendes Ribeiro e o presidente do Tribunal de Justiça Militar do Rio Grande do Sul, coronel Paulo Roberto Mendes.

Durante o afastamento da vereadora, o Legislativo municipal vai ser presidido por Reginaldo Pujol. Marchezan, que teve agenda em Brasília na quarta-feira, seguiu para Campos do Jordão, em São Paulo, onde participa do 18º Fórum Empresarial Lide. Paim, que havia assumido como prefeito em exercício, viaja hoje para Montevidéu, no Uruguai, onde participa da reunião do Conselho de Administração da Rede Metropolis, de cooperação técnica. Na reunião com o prefeito de Montevidéu, Daniel Martinez, serão discutidos avanços na minuta do acordo bilateral entre Porto Alegre e a capital uruguaia.

No seu discurso de transmissão de posse do cargo, o vice-prefeito Gustavo Paim afirmou que estava sendo celebrado uma demonstração de um relacionamento institucional de confiança entre os poderes Executivo e Legislativo. Segundo Paim, em dois anos e quatro meses da gestão municipal, duas mulheres assumiram a prefeitura: a procuradora-geral do Município, Eunice Ferreira Nequete, e agora a presidente da Câmara, vereadora Mônica Leal.

Antes de Mônica , já haviam ocupado o cargo de prefeitas em exercício as procuradoras Eunice Ferreira Nequete, Cristiane da Costa Nery e Mercedes Rodrigues, além das ex-presidentes da Câmara - Margarete Moraes, Maria Celeste e Sofia Cavedon. A agenda da prefeita em exercício prevê, para sábado à noite, a participação no baile de aniversário de 113 anos do Grêmio Náutico União (GNU) e, para a manhã de domingo, a Festa de Lançamento da Feira do Peixe das Ilhas 2019, na sede da Colônia Z5, na Ilha da Pintada. 

Ela afirmou que é uma oportunidade, como presidente do Legislativo, poder ficar mais próximas das ações da gestão da prefeitura. "O momento demonstra harmonia entre os poderes, que, mesmo independentes, são igualmente responsáveis pela melhoria da cidade”, ressaltou. Na transmissão de cargo, o vice-prefeito Gustavo Paim também sancionou a lei que denomina avenida Pedro Américo Leal a via localizada entre as avenidas Icaraí e Diário de Notícias, no bairro Cristal, na zona Sul da cidade.

O projeto, de autoria dos vereadores do PP, homenageia o militar e ex-deputado estadual e vereador de Porto Alegre, pai de Mônica Leal. “É uma justa e merecida lei, que não poderia ser sancionada em outra oportunidade que não esta, em que a filha do homenageado assume como prefeita de Porto Alegre”, acrescentou Paim. No começo da tarde de domingo, dia 7, o prefeito Nelson Marchezan Júnior reassume o cargo.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895