Ministro da Defesa afirma que democracia é melhor forma de governo

Ministro da Defesa afirma que democracia é melhor forma de governo

Jaques Wagner fez comentário em sua conta no Twitter

Por
AE

Jaques Wagner fez comentário em sua conta no Twitter


publicidade

Sem citar diretamente as manifestações que pedem o impeachment da presidente Dilma Rousseff, o ministro da Defesa, Jaques Wagner, disse nesta quarta-feira,  em sua conta no Twitter, que "parte da elite brasileira sempre se escondeu atrás das justas reivindicações da população da classe média". O ministro fez uma comparação com 1964, quando "muita gente de boa-fé" foi às ruas contra o comunismo.  "O resultado disso foi um período de governos sem regra democrática, o que é sempre um prejuízo", escreveu o ministro da Defesa, responsável por coordenar as Forças Armadas, que ficaram no poder durante 21 anos após o golpe de 1964.

Em seguida, Wagner fez uma defesa da democracia que, segundo ele, é a melhor forma de governo. "A democracia, com todos os seus defeitos, é a melhor forma que a gente tem para conviver", escreveu.

As manifestações contra o governo Dilma Rousseff estão marcadas para o próximo domingo, 15 de março, em várias cidades do Brasil. Wagner não é o primeiro membro do governo a se posicionar. O ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência, Miguel Rossetto, disse nesta terça-feira,  que "não há nenhum sentido" no pedido de impeachment. A própria presidente comentou os protestos. "Eu acho que há de caracterizar razões para o impeachment, e não o terceiro turno das eleições. O que não é possível no Brasil é a gente também não aceitar a regra do jogo democrático. A eleição acabou, houve o primeiro e o segundo turno", reclamou a presidente no início da semana.