PP-RS afasta o deputado federal José Otávio Germano
capa

PP-RS afasta o deputado federal José Otávio Germano

Decisão ocorre após político ser cobrado por suposta dívida

Por
Correio do Povo

José Otávio Germano é afastado das funções exercidas na Comissão Executiva e no Diretório Estadual dos Progressistas

publicidade

O Partido Progressista do Rio Grande do Sul afastou o deputado federal José Otávio Germano das funções exercidas na Comissão Executiva e no Diretório Estadual dos Progressistas. Em nota, divulgada nesta quinta-feira, o PP afirmou que a decisão é devido aos fatos “lamentáveis no campo da moral e da ética”

O afastamento ocorre após transexuais protestarem em frente ao prédio do político, cobrando uma suposta dívida. O caso chegou a ser mediado pela Brigada Militar.

O partido decidiu ainda enviar um “dossiê” do caso para análise do Conselho Ética do Progressista/RS, que pode, inclusive, denunciá-lo ao Diretório Nacional do partido. Caso isso aconteceça, um processo ético-administrativo pode ser instaurado contra o deputado. Apenas a Executiva Nacional pode afastar Germano da legenda.

A decisão do PP-RS não significa, no entanto, que Germano está fora das próximas eleições. De acordo com a nota, a lista oficial de candidatos será definida em 30 de julho, em reunião no hotel Everest, em Porto Alegre.  “Nesta reunião do Diretório Estadual, teremos oportunidade de analisar todos os nomes que irão concorrer pelo Progressistas nas “Eleições Gerais de 2018” - a conveniência e oportunidade, no campo moral e ético, bem como outros aspectos de regionalidade e competitividade, sempre colocando o coletivo acima do individual”, ressalta a nota.