Expointer 2019 é lançada com previsão de superar os números do ano passado
capa

Expointer 2019 é lançada com previsão de superar os números do ano passado

Feira será realizada entre 24 de agosto e 1º de setembro

Por
Danton Júnior

Governador participou do lançamento da nova edição da Expointer

publicidade

Ao som de nomes consagrados da música gaúcha, que compuseram quatro canções especialmente para o evento, a 42ª Expointer foi lançada nesta segunda-feira oficialmente, na Casa da Música da Ospa, em Porto Alegre, com a previsão de superar os números do ano passado. Em 2018, a feira contou com R$ 2,3 bilhões em propostas de negócio e público de 370 mil visitantes. Os organizadores esperam contar com a presença do presidente Jair Bolsonaro, que será convidado por uma comitiva oficial que irá a Brasília nesta semana. O evento ocorre de 24 de agosto a 1º de setembro no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio.

Segundo o secretário estadual da Agricultura, Covatti Filho, o otimismo deve-se a fatores como a expectativa gerada com o acordo entre Mercosul e União Europeia, à disponibilização de financiamento para compra de máquinas e ao crescimento do Pavilhão da Agricultura Familiar, que ampliou o número de expositores de 285 para 316. O número de animais de argola inscritos ficou em 3.975, com um decréscimo de 6,3% motivado principalmente pela redução na participação de pássaros ornamentais. Um dos desafios da organização desta feira foi chegar à véspera do evento com todas as licitações concluídas, já que tradicionalmente muitas acabam ficando para a última hora. Segundo Covatti Filho, apenas o certame relativo ao fornecimento de bebidas encontra-se sub judice. Quanto ao PPCI, o parque recebeu na semana passada a visita do Corpo de Bombeiros, que fez alguns apontamentos à administração. “Ainda não temos o OK, mas estamos trabalhando para que até quatro dias antes da feira tenhamos esse PPCI já organizado, até porque dia 19 começamos a receber os animais”, observou o secretário.

Entre os temas que irão pautar os eventos que ocorrem durante a feira, além do acordo com a União Europeia (tema de audiência pública do Senado), está a retirada da vacinação contra febre aftosa. No dia seguinte ao encerramento da Expointer, terá início a auditoria do Ministério da Agricultura que irá avaliar as condições do Estado para o avanço do status sanitário. Conforme Covatti Filho, a auditoria estava marcada inicialmente para o período da feira, mas a data foi alterada após telefonema seu para a ministra Tereza Cristina, já que a própria feira envolve a atuação de muitos técnicos da secretaria. O secretário explicou que, durante a Expointer, os fóruns de discussão que já vêm sendo realizados pela secretaria no interior do Estado serão levados ao parque de exposições, com o objetivo de responder às dúvidas dos pecuaristas. "Queremos aproveitar o palco da Expointer para sanar estas dúvidas", afirmou.

Eduardo Leite exalta o campo

Prestes a inaugurar a primeira edição de Expointer do seu mandato, o governador Eduardo Leite disse que o evento é um momento de reunir as potencialidades e a força da produção agropecuária do Rio Grande do Sul. "O governo passa por dificuldades, mas o Estado é forte, tem economia vibrante, e boa parte dessa economia vem do campo", salientou. Um dos motivos citados por ele para o crescimento dos negócios foi o aumento do PIB gaúcho em 0,9% no primeiro trimestre, acima da média nacional, que ficou em 0,5%.

Sobre a gestão do Parque Assis Brasil, a cargo do Estado, o governador afirmou que alternativas estão em estudo. "Queremos identificar as melhores formas de aproveitar um espaço que é interessante do ponto de vista do tamanho e da localização, para que possa ser mais sustentável e mais independente dos recursos públicos possível", afirmou. 

Expointer musical

As quatro músicas apresentadas durante o lançamento, que serão compiladas em um álbum a ser lançado durante a Expointer, são: "É Expointer Tchê" (Erlon Pericles e Cristiano Quevedo), "A Expointer" (Joca Martins), "De Campo e Produção" (César Oliveira e Rogério Melo) e "Renasce o Rio Grande" (Os Serranos).