Versão digital abre nova era para Expointer

Versão digital abre nova era para Expointer

Primeiras atrações da feira são a venda de produtos da agroindústria familiar, no sistema drive thru, e final do Freio de Ouro

Correio do Povo

Expointer na era digital

publicidade

Neste sábado, a Expointer, principal feira agropecuária do Rio Grande do Sul e uma das maiores do país, embarca em uma nova era. Pela primeira vez, e coincidentemente no cinquentenário do Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, o evento ocorrerá sem a presença de público e com transmissão das suas atividades pelo site, ao vivo. A Expointer Digital 2020 ocorre com a presença de 1.017 animais, de 18 raças, e testando um formato inédito para a Feira de Agricultura Familiar, que atenderá os consumidores interessados em adquirir produtos coloniais pelo sistema drive thru, das 10h às 20h, até o dia 4 de outubro. Todos os meios usados neste ano serão incorporados à feira quando ela voltar a abrir suas portas ao público, preveem os organizadores.

A cerimônia de abertura oficial, segundo o secretário da Agricultura, Covatti Filho, vai ocorrer na próxima sexta-feira, com a presença da ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e a possibilidade de visita do vice presidente da República, Hamilton Mourão. “Pretendemos fazer a abertura oficial aproveitando o desfile dos campeões”, comenta o secretário.

Dos 1.117 animais de argola inscritos na exposição, o número maior é o de equinos, com 687 no total. Os cavalos Crioulos lideram, com 363 exemplares, seguidos pelos das raças Quarto de Milha (260) e Árabe (64). Entre os 230 ovinos, o maior plantel é o do Texel, com 95 animais. Depois vêm Poll Dorset (25), Dorper (23), Suffolk (20), Corriedale (5), Merino Australiano (2), Crioulo (2), além dos 58 naturalmente coloridos das raças Corriedale, Hampshire Down, Texel e Ile de France. Entre os bovinos, os de leite estão em maior número, com 74 exemplares da raça Holandês. Apenas quatro raças de bovinos de corte, com um total de 26 animais, estarão no evento. São quatro Charolês, dois Devon, quatro Simbrasil e 16 Simental. O presidente da Febrac, Leonardo Lamachia, atribui a pouca adesão das raças de corte à mudança de data da Expointer. “O período em que a feira está ocorrendo coincide com a época de cobertura da maioria das raças de corte”, lembra o dirigente.

Neste primeiro final de semana, as principais atrações da Expointer Digital 2020 serão a abertura da Feira de Agricultura Familiar, o lançamento do Radiografia da Agropecuária Gaúcha 2020 (hoje) e a final do Freio de Ouro (amanhã). Durante a semana, uma programação de lives vai abordar temas pertinentes ao agronegócio, como o Impacto da Legislação Ambiental na Agropecuária (dia 29, às 19h30min) e a Lei do Agro (dia 1°, também às 19h30min), ambas com a presença de representantes da Farsul, que neste ano não abre sua casa no parque “para não gerar movimentação”, segundo a assessoria da entidade.

MÁQUINAS - O Sindicato das Indústrias de Máquinas e Implementos Agrícolas (Simers) manterá no ar, durante os dias de Expointer, o seu portal expointerdigitalagro.com.br, criado para a feira virtual de máquinas, que ocorreu de 29 de agosto a 6 de setembro. Segundo a diretora-executiva do Simers, Ana Paula Werlang, o interessado ainda pode verificar os produtos e lançamentos das empresas, conhecer mais sobre as linhas de crédito oferecidas pelos bancos apoiadores e conferir os contatos dos expositores. Até ontem, o número de acessos à plataforma havia chegado a 48 mil, um incremento de 6 mil visitas desde o final da feira on-line.


publicidade


publicidade


publicidade


publicidade


publicidade


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895