Indústria depende de novas informações para participar da Expointer
capa

Indústria depende de novas informações para participar da Expointer

Tamanho da feira e tipo de público são as principais dúvidas do setor para avaliar boas vendas

Por
Cíntia Marchi

A Expointer está marcada para 26 de setembro a 4 de outubro


publicidade

O presidente do Sindicato de Máquinas e Implementos Agrícolas no Rio Grande do Sul (Simers), Claudio Bier, esteve ontem com o secretário da Agricultura, Covatti Filho, para apresentar algumas ponderações do setor relacionadas à Expointer que, com a manutenção da data, ficou marcada para o período de 26 de setembro a 4 de outubro. Segundo o dirigente, o governo precisa esclarecer qual será o tamanho da feira e que público poderá acessar o Parque de Exposições Assis Brasil. "Se a feira não tiver possibilidade de boas vendas, fica difícil animar as indústrias a participar", afirmou Bier.


Nos próximos dias, a Secretaria da Agricultura reunirá todas as entidades organizadoras para repassar as normas prévias para o evento estabelecidas pela Secretaria da Saúde. Bier diz que as empresas dependem dessas informações para decidir se irão expor neste ano, já que, embora haja interesse, são altos os custos envolvidos com a logística, deslocamento de funcionários, reservas em hotéis e montagem de estandes. Segundo o dirigente, o setor precisa de, no mínimo, 60 dias de antecedência para fazer estoque. "Teremos que ter as máquinas à disposição, quem sabe para entregá-las ao comprador ainda durante a feira", destacou Bier, ao lembrar que a Expointer vai acontecer durante a fase de início de plantio das lavouras.