Produtores argentinos decidem suspender comercialização de grãos

Produtores argentinos decidem suspender comercialização de grãos

Medida ocorre como forma de protesto contra governo local, que encerrou temporariamente exportações de milho

Danton Júnior

publicidade

Produtores rurais argentinos decidiram suspender a comercialização de todos os grãos entre os dias 11 e 13 de janeiro, como forma de protestar contra a medida do governo local que suspendeu temporariamente as exportações de milho.

O governo alega que a medida foi adotada com o objetivo de garantir o fornecimento de grãos no mercado interno para setores que o utilizam como matéria-prima, em especial o segmento de proteína animal.

Em nota, as principais entidades rurais da Argentina informaram que a greve na comercialização começa às 00h da próxima segunda-feira e segue até as 24h do dia 13 de janeiro. Desta forma, segundo o texto, o setor insiste na necessidade de que seja revisada "essa medida absolutamente negativa para os interesses de todos os argentinos". 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895