Como funciona a Sputnik-V, vacina que busca integrar o Plano Nacional de Imunização

Como funciona a Sputnik-V, vacina que busca integrar o Plano Nacional de Imunização

Governador gaúcho Eduardo Leite assinou, nesta terça-feira, intenção de compra direta do imunizante russo

Correio do Povo

Vacina já está sendo aplicada em diversos países do mundo

publicidade

Sem publicar os resultados da terceira fase do estudo clinico, a vacina russa Sputnik-V avança nas tratativas junto a Anvisa para integrar o Plano Nacional de Imunização. Enquanto passa pela última etapa de teste para poder entrar com pedido de uso emergencial em solo brasileiro, o governo gaúcho tomou a frente e assinou uma intenção de compra direta do imunizante, como forma de garantir um plano B.

O Direto ao Ponto desta quarta-feira vai abordar o avanço dos testes clínicos da Sputnik-V, as particularidades do imunizante e a corrida do laboratório União Química para garantir o uso da vacina no país. Para isso, recebe a Mellanie Fontes-Dutra, idealizadora e coordenadora da Rede Análise COVID-19, e Mestre e Doutora em Neurociências pela Ufrgs. 

Ouça:

 

Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895