Temperatura cai no Litoral Norte e deixa banhistas mais comedidos

Temperatura cai no Litoral Norte e deixa banhistas mais comedidos

Água do mar estava gelada e inibiu alguns veranistas

Christian Bueller

Tempo nublado afastou banhistas

publicidade

As praias do litoral norte gaúcho amanheceram sem o calor que afetou parte do Estado nos últimos dias. Muito por conta da virada do tempo que trouxe a chuva, ventos fortes e baixa temperatura na tarde e noite de segunda-feira. A mudança no clima interferiu na água do mar que, gelada, inibiu alguns veranistas que preferiram, em sua maioria, ocupar mais a faixa de areia do que buscar as ondas.

“Como tempo nublado e o mar mais frio, os banhistas ficaram mais comedidos”, observou o chefe de operações do Corpo de Bombeiros Militar (CBM), tenente-coronel Isandré Antunes. O tempo, entre 24 e 27 graus, melhorou com o passar das horas depois das pancadas de chuva, que não foram suficientes para grandes ocorrências, principalmente, nas grandes praias como Capão da Canoas, Imbé e Tramandaí. Algumas cidades do Litoral Norte, como Itati e Mostardas, sofreram com quedas de energia elétrica e desabastecimento de água, mas foram reestabelecidas. Alguns locais, como Torres, por exemplo, apresentaram acúmulos de água pontuais que prejudicaram o trânsito por alguns minutos durante a chuva. 

Em cidades como Morrinhos do Sul e Três Cachoeiras, deve chover todos os dias da semana, sempre no período da noite. Em outras localidades, porém, o tempo deve ficar parcialmente encoberto durante quase toda a semana. Na maioria das cidades, em determinados momentos do dia, as temperaturas deverão ultrapassar a casa dos 30°C.



Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895