Campanha de vacinação é prorrogada na Capital

A campanha de vacinação de crianças contra sarampo e poliomielite, que terminaria hoje, foi prorrogada por 15 dias. A confirmação foi feita ontem pelo secretário municipal de Saúde, Erno Harzheim, em Brasília, após reunião da Comissão Intergestores Tripartite (CIT) do Ministério da Saúde. O pedido de prorrogação do prazo e flexibilização da data do dia D foi formalizado ao Ministério da Saúde pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems).

Com prazo estendido, explica Harzheim, a intenção é aumentar a cobertura vacinal de crianças de um ano a menores de cinco anos, alvo da campanha nacional em 2018. “O Dia D de vacinação será o sábado, 15 de setembro”, anunciou. Como a meta de imunizar 95% do público-alvo não foi alcançada, o Ministério decidiu estender o prazo. Ontem, o movimento de pais e crianças era intenso no Centro de Saúde Modelo, na rua Jerônimo de Ornelas, no bairro Santana para realizar a imunização. No período da campanha, entre 6 de agosto e a manhã desta quinta-feira, 30, o número de doses administradas das vacinas na Capital está em 33.249 para sarampo e 33.789 da vacina contra poliomielite segundo registros do SIPNI.

Os números são parciais e estão sujeitos a revisão. A secretaria mantém 129 locais para imunização na cidade, em todas as regiões distritais de saúde. Além das unidades que atendem a população no horário diurno, das 8h às 17h, quatro locais têm horário estendido. Na Restinga, a Clínica da Família abre das 8h às 20h. As unidades de saúde São Carlos e Tristeza e o Centro de Saúde Modelo atendem das 8h às 22h. Em Porto Alegre, segundo dados registrados no Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SIPNI), a cobertura vacinal da faixa etária da campanha é de 51,8% para pólio e 51% para sarampo. No Rio Grande do Sul, os percentuais são de 75,3% e 75,1%. No País, 78,1% e 83,8% respectivamente.

Os municípios gaúchos que não atingiram a meta de 95% de cobertura vacinal contra o sarampo e a poliomielite devem abrir os postos de saúde amanhã, realizando um novo dia de mobilização, conforme orientação do Ministério da Saúde e da Secretaria Estadual da Saúde. A medida é um alerta para vacinar cerca de 150 mil crianças que ainda não estão protegidas contra as duas doenças. A campanha tinha término previsto para hoje. No Rio Grande do Sul, 140 cidades já ultrapassaram a meta prevista. Assim, a recomendação destina-se aos demais 357 municípios, que devem receber por mais um dia o público-alvo, que são todas as crianças de 1 ano de idade a menores de 5 anos. A medida é um alerta para vacinar cerca de 150 mil crianças que ainda não estão protegidas contra as duas doenças.

Foto: Guilherme Almeida / CP

GERAL
CAMPANHA DE VACINAÇÃO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: