capa

Aprenda a fazer purpurina biodegradável

Receita custa menos de R$ 7,00 e potinhos podem ser vendidos por R$ 25,00

Por
Correio do Povo

Glitter biodegradável pode usar usado na pele normalmente

publicidade

Carnaval é uma das épocas do ano que mais acumulam lixo pelas ruas, sejam latas de alumínio, garrafas de vidro, plástico ou restos de fantasias. Para conscientizar os admiradores da festa mais animada do ano, o Instituto Arcádia ensina como fazer glitter biodegradável gastando apenas R$ 6,90. Para quem pensa em fazer uma grana extra no carnaval, cada kit com três potinhos pode ser vendido por R$ 25,00.

A purpurina tradicional é feita de microplástico e alumínio. Esses elementos demoram mais de 400 anos para se degradar. Ao ser descartado, contamina os recursos hídricos e pode ser ingerido pelos animais, causando a sua morte. “A ideia é aproveitar o Carnaval para despertar nos foliões o desejo de utilizar produtos mais sustentáveis e deixar a festa ainda mais bonita, além de deixar um legado para a sociedade”, sugere a analista de Sustentabilidade do Instituto Marina Coutinho.

Como fazer purpurina biodegradável

 1 colher de sopa de gelatina incolor ou àgar-àgar (opção vegana)

 3 colheres de sopa de água gelada

 Corante alimentício

 Pó de mica perolado

 1 pincel (pode ser um pincel usado para maquiagem)

 1 folha de acetato

 Liquidificador ou processador

 Micro-ondas

 

Como preparar

Coloque a gelatina e as três colheres de sopa de água gelada em uma tigela. Coloque no micro-ondas por 10 segundos. Misture delicadamente a gelatina com um pincel para não empelotar. Repita isso pelo menos três vezes até ficar líquido e homogêneo. Depois coloque corante e mica até a cor desejada, aguarde por 15 minutos até dar uma consistência parecida com mel.

Em seguida, pincele a gelatina em uma folha de acetato ou em uma superfície lisa. Espere aproximadamente seis horas, até secar totalmente. 

Por fim, pode rasgar a folha em pedaços menores e colocar no liquidificador ou processador até chegar ao tamanho desejado. 

Como usar o glitter biodegradável

Marina sugere usar com um creme hidratante ou um gel de Aloe Vera. Segundo a analista do Instituto Arcádia, a pessoa não precisa ter mica para fazer a purpurina biodegradável, a gelatina e o corante alimentício já são o suficiente, porém o mineral natural dá o efeito de brilho. Outra informação importante é que pessoas com histórico de sensibilidade na pele devem fazer um teste antes de utilizar, mesmo sendo natural e biodegradável é importante ter sempre cuidado.

Como fazer confete com folhas secas

Para fazer confete sustentável só precisa ter em mãos folhas secas ou verdes e um furador. Fure as folhas e aproveite o Carnaval de maneira mais sustentável e consciente. Eles não entopem bueiros e são biodegradados, ou seja, rapidamente volta para natureza.