Porto Alegre, sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

  • 05/03/2012
  • 18:05
  • Atualização: 18:37

Inter quer rever cláusula com AG antes de assinar contrato

Clube pretende evitar novos atrasos no cronograma das obras do Beira-Rio

Inter quer rever cláusula com AG antes de assinar contrato  | Foto: Fabiano do Amaral

Inter quer rever cláusula com AG antes de assinar contrato | Foto: Fabiano do Amaral

  • Comentários
  • Rádio Guaíba

A novela pode até dar indícios de que está chegando ao fim, mas ainda não há uma data definida para o último capítulo da novela da reforma do estádio Beira-Rio. Nesta segunda-feira, o presidente colorado, Giovanni Luigi, revelou que quer alterar uma das cláusulas do contrato antes da formalização do vínculo, que não há dia para ser celebrado.

Luigi quer invalidar uma cláusula do contrato em que a construtora pode desistir da empreitada até 120 dias depois da assinatura do contrato. “Já se passaram dois meses e meio e se tivermos mais 120 dias seria um risco iminente para o clube”, justificou o dirigente, em entrevista à Rádio Guaíba nesta segunda-feira. Ele disse que já informou à Andrade Gutierrez a sua posição: “Estão analisando”.

O presidente do Inter afirmou que não acredita em mais atrasos por conta do novo pedido. No ano passado, a minuta do contrato demorou mais de seis meses para ficar pronta. “Estou pronto para assinar o contrato desde 15 de dezembro”, afirmou Luigi, que disse que não conversou com ninguém da AG nesta segunda-feira.

O dirigente afirmou desconhecer a presença de engenheiros da AG durante o treino da manhã. Os profissionais estariam fazendo medições já visando as obras. No entanto, encontros entre as equipes técnicas do patrimônio do Inter e da construtora já vêm ocorrendo, conforme ele, que quer, agora, apressar a definição do cronograma da reforma. “Ele não está totalmente definido, e nós entendemos que nos próximos dias esse cronograma esteja pronto e de acordo com o clube.”

Bookmark and Share