Correio do Povo

Porto Alegre, 18 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
26ºC
Amanhã
16º 23º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Brasileirão

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

09/12/2013 15:37 - Atualizado em 09/12/2013 16:03

Três torcedores são liberados do hospital em Joinville

Um dos feridos segue internado após briga generalizada no jogo entre Atlético-PR e Vasco

Três torcedores que ficaram internados no Hospital Municipal São José após a confusão em Joinville foram liberados, enquanto William Batista segue hospitalizado, mas foi transferido para um hospital particular da cidade. O torcedor do Atlético-PR, que sofreu uma fratura no crânio, segue em observação e foi transferido a pedido da própria família.

William foi o torcedor que ficou ferido com mais gravidade. Ele foi retirado das arquibancadas da Arena Joinville de maca, quase sem roupas, e foi encaminhado ao hospital de helicóptero.

O vascaíno Gabriel Ferreira Vitael, de 20 anos, também foi liberado na manhã desta segunda, mas segue na Assistência Social do hospital, pois não tem dinheiro para retornar ao Rio de Janeiro. O Vasco já se disponibilizou para arcar com as despesas da viagem do torcedor.

Diogo Cordeiro da Costa Ferreira, de 29 anos, torcedor do Vasco, foi liberado ainda na noite do último domingo, enquanto Estevão Viana, de 24 anos, torcedor do Atlético-PR, teve alta pela manhã desta segunda-feira e já retornou para Curitiba.


Três torcedores do Vasco que foram presos em flagrante pela Polícia Militar de Santa Catarina foram transferidos na madrugada desta segunda da Central da Polícia para o presídio da cidade. O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, defendeu a aplicação das penas mais rígidas do Estatuto do Torcedor aos envolvidos na pancadaria.

Bookmark and Share

Fonte: Lancepress







O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.