Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
21ºC
Amanhã
13º 22º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Inter

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

02/01/2014 12:02 - Atualizado em 02/01/2014 12:24

Beira-Rio não deve ficar pronto para estreia do Gauchão, diz vice-presidente

Diana Oliveira afirmou que fase de vistoria do estádio do Inter exige cautela

Vistoria do estádio inicia nesta quinta<br /><b>Crédito: </b> João Linck / Divulgação AG e Inter / CP
Vistoria do estádio inicia nesta quinta
Crédito: João Linck / Divulgação AG e Inter / CP
Vistoria do estádio inicia nesta quinta
Crédito: João Linck / Divulgação AG e Inter / CP

O Inter dificilmente fará sua estreia no Campeonato Gaúcho diante do São Luiz no próximo dia 18 no Beira-Rio. Em entrevista à Rádio Guaíba nesta quinta-feira, a vice-presidente do clube e responsável pela reforma do estádio, Diana Oliveira, afirmou que é preciso cautela nas vistorias finais da obra. Ela tem poucas expectativas de que o Colorado possa atuar em sua casa no primeiro jogo da temporada.

• Luigi promete cobrar AG por atraso na entrega do Beira-Rio

“Nós iniciaremos hoje o processo de vistoria da fase de entrega da obra. Tenho pouca expectativa de retorno para o dia 18. Sou um pouco mais conservadora com esse prazo. Agora é uma fase muito importante, é a hora de ter mais calma para ter certeza de que o que está sendo é o que foi contratado, que as equipes que vão operar o estádio sejam devidamente treinadas, que a obtenção de licenças ocorra da melhor maneira possível. Tudo isso me faz ter calma para firmar esse prazo do dia 18”, declarou.

Nesta quinta, Inter e Brio iniciam as vistorias para conferir se todo o previsto em contrato foi cumprido pela Andrade Gutierrez na reforma do estádio. Em paralelo a isso, o clube irá buscar as licenças necessárias para a reabertura junto aos órgãos reguladores. “São os detalhes que a gente precisa ter mais calma. Agora tem que ter a tranquilidade para o estádio começar a funcionar. É necessário averiguar ponto por ponto com a cautela necessária. A comunidade colorada está ansiosa para voltar para casa, mas temos que fugir daquele modelo de entrega de shopping, de correria no final com detalhes sendo perdidos”, ressaltou.

Mesmo com o pouco otimismo para a liberação do estádio para os primeiros jogos do Gauchão, Diana mantém a confiança de que o Beira-Rio estará pronto no dia 28 de fevereiro, a data limite prevista em contrato, inclusive com a cobertura – a implantação das membranas nas estruturas metálicas está parada em razão de problemas legais com os estrangeiros que realizam os trabalhos de alpinistas.

“Eu gostaria que estivesse até um pouco antes, mas espero que sim, que em 28 de fevereiro esteja absolutamente pronto. Se inicia agora em janeiro a fase de entrega e a expectativa é de que até 28 de fevereiro esteja pronto. Essa previsão conta com a conclusão total. O estádio tem que estar absolutamente pronto nesta data”, concluiu.

Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo e Rádio Guaíba







O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.