Correio do Povo

Porto Alegre, 18 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
23ºC
Amanhã
16º 23º


Faça sua Busca


Esportes > Fórmula 1

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

03/01/2014 09:43 - Atualizado em 03/01/2014 09:50

Fãs da Ferrari organizam homenagem no aniversário de Schumacher

Manifestação silenciosa recebeu críticas

Fãs da Ferrari organizam homenagem no aniversário de Schumacher. Clique para ver mais fotos
Crédito: Philippe Desmazes / AFP / CP

O ex-piloto alemão Michael Schumacher, em coma há cinco dias depois de sofrer um acidente de esqui na França, recebe nesta sexta-feira, dia em que completa 45 anos, o apoio dos fãs da Ferrari em uma manifestação silenciosa que já recebeu críticas.

O alemão conquistou cinco de seus sete títulos mundiais de Fórmula 1 pela escuderia italiana. Os clubes Ferrari decidiram organizar uma "manifestação silenciosa e respeitosa" diante do hospital de Grenoble (sudeste da França), no qual Schumacher está internado.

Durante a manhã o local tinha apenas uma faixa com a frase: "Schumi, todos os nossos pensamentos para você e sua família". A família de Michael Schumacher agradeceu na quinta-feira pelos gestos de apoio e afirmou que o ex-piloto é um "lutador" e "não desistirá".

Michael Schumacher, o maior campeão da história da F1, está hospitalizado na unidade de terapia intensiva do hospital de Grenoble desde domingo, quando sofreu um grave traumatismo craniano em um acidente de esqui em Méribel, nos Alpes franceses.

A Ferrari disponibilizou para os torcedores de toda a Itália 20 ônibus. A manifestação deve começar ao meio-dia. A Ferrari tem 130 clubes de fãs na Europa, mas a manifestação não foi aprovada por todos. O presidente do Ferrari Roma-Colosseo, Roberto Luongo, se negou a participar por "respeito a um homem que sofre". "Se eu fosse da família de Michael, não gostaria de tal iniciativa", disse

O clube de Kerpen, cidade alemã em que Schumacher foi criado, afirmou que o "aniversário não é uma ocasião para festa". Os integrantes do clube se limitaram a desejar a recuperação do campeão.

Desde quarta-feira não foram divulgadas informações sobre o estado de saúde do alemão, quando a situação foi considerada "crítica mas estável". No hospital, Schumacher está acompanhado pela esposa Corinna, o pai Rolf e o irmão Ralph.

Bookmark and Share


Fonte: AFP







O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.