Porto Alegre, quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

  • 03/01/2014
  • 20:08
  • Atualização: 20:14

Ex-piloto conversa com médicos e diz que Schumacher pode ficar paralisado

Philippe Streiff relatou, porém, que recuperação do alemão ainda é uma incógnita

  • Comentários
  • Lancepress

O ex-piloto de Fórmula 1 Philippe Streiff visitou Michael Schumacher no hospital e cogitou possibilidades pouco animadoras para a recuperação do heptacampeão mundial. De acordo com o francês, que conversou com o médico Gerard Saillaint sobre o caso, existe o risco do alemão ficar completamente paralisado por sequelas do acidente de esqui sofrido em Maribel..

"Michael está um pouco melhor, mas ninguém sabe dizer como vai sair dessa ainda. Saillant me contou que ainda não sabe como a história vai acabar. O sangramento continua em ambos os lados do cérebro e poderia afetar a fala", acrescentou Streiff, que ficou tetraplégico após sofrer acidente em testes da Fórmula 1 no Rio de Janeiro, em 1989.

O ex-piloto salientou que o principal fator para a recuperação de Schumacher é a capacidade de cura dos ferimentos em seu cérebro. "Estão fazendo tomografias todos os dias para ver como os edemas estão sendo absorvidos e, quanto mais rápido forem absorvidos, menos ele vai ficar paralisado. Mas se a hemorragia continuar por muito tempo, corre o risco de ficar paralisado completamente", detalhou.


Bookmark and Share