Porto Alegre, domingo, 23 de Novembro de 2014

  • 25/01/2014
  • 11:22
  • Atualização: 11:23

Menos badalado, Grêmio promete manter pegada e marcação

Tricolor quer aliar dedicação com velocidade e um de qualidade

Menos badalado, Grêmio promete manter pegada e marcação | Foto: Lucas Uebel / Grêmio / CP

Menos badalado, Grêmio promete manter pegada e marcação | Foto: Lucas Uebel / Grêmio / CP

  • Comentários
  • Lancepress

Em 2013, a direção do Grêmio escolheu o caminho do investimento alto. Contratou jogadores renomados, como Vargas, André Santos, Cris, Dida e Barcos juntando-se aos já presentes Zé Roberto e Elano. Mas a campanha na Libertadores não saiu como o esperado e os destaques acabaram sendo jogadores que chegaram do Juventude. A tática utilizada por Fábio Koff e companhia em 2014 é apostar em um elenco menos badalado. Os jogadores garantem que dedicação – e um pouco de qualidade – também não faltará.

O goleiro Marcelo Grohe, que foi barrado pela chegada de Dida, admite que atualmente o grupo tem menos jogadores consagrados, com história fora do país. Mas garante que a principal característica de 2013 com Renato, a dedicação na marcação, irá ser vista novamente em campo.

"Talvez esse ano não seja tão badalado, e isso é uma verdade. Não estou mentindo aqui. Mas temos consciência de onde podemos chegar. Muitos falam que nossa equipe não é badalada, mas temos qualidade também. Talvez em questões de nomes, tinham mais ano passado. Mas tem muitos jogadores de qualidade aqui. Não adianta ter vontade e raça e não ter um pouco de qualidade. E a gente tem. Juntamos as duas coisas para cnseguir nossos objetivos", avaliou Grohe.

O estilo de jogo gremista não agradou Brasil afora. Mas as vitórias vieram. Com dedicação grande de todos na marcação e uma chegada esporádica, o Tricolor se tornou vice-campeão brasileiro. E esta cara de 2013 não mudará. Vai ganhar apenas velocidade e intensidade nas jogadas ofensivas, uma marca de Enderson Moreira.

"É um time que criou uma identificação, uma cara. Não saindo muitos atletas, é importante. A chegada do Edinho e do Geromel, temos qualidade a mais. Pode esperar um time guerreiro, como é a cara do Grêmio. Claro que o Enderson tem a filosofia dele, está exigindo um futebol de velcoidade e intensidade, é o que estamos treinando. Vamos procurar aprimorar cada vez mais para ter essa cara de time que o Enderson quer", completou o zagueiro Bressan. O Grêmio estreia com seus titulares neste domingo, às 19h30min, contra o Aimoré, na Arena. 


Bookmark and Share


TAGS »