Porto Alegre, sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

  • 17/02/2014
  • 20:02
  • Atualização: 20:26

Após reunião, Fifa aguarda solução para estruturas complementares

Entidade afirma em nota que Inter e gestores públicos devem resolver impasse até quinta-feira

Fifa aguarda solução para estruturas provisórias | Foto: Pedro Revillion / Piratini / CP

Fifa aguarda solução para estruturas provisórias | Foto: Pedro Revillion / Piratini / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

A Fifa publicou nota, nesta segunda-feira, após reunião com representantes de prefeitura, governo do Estado e Inter, em Porto Alegre. A entidade colocou nas mãos dos gestores públicos e do clube de futebol uma forma de solucionar o impasse sobre o financiamento das estruturas complementares exigidas para realização da Copa do Mundo.

Uma data também foi fixada para que Porto Alegre tenha definida esta solução para um investimento avaliado ao redor dos R$ 30 milhões. "Comprometeram-se a apresentar uma solução conjunta para os problemas financeiros até quinta-feira, 20 de fevereiro", informa o documento. A data coincide com a inauguração do Beira-Rio, que contará com a presença da presidente da República, Dilma Rousseff.

O encontro teve a participação do secretário-executivo do Ministério do Esporte, Luis Fernandes, do secretário-geral da FIFA, Jérôme Valcke, do CEO do Comitê Organizador Local (COL), Ricardo Trade, do vice-governador do Rio Grande do Sul, Beto Grill, do prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, e do presidente do Inter, Giovanni Luigi.

Apesar de, a priori, não abrir mão dos investimentos extras na estrutura, a Fifa reiterou não existir ameaça à realização do Mundial na Capital. "Não está em discussão se Porto Alegre será ou não sede da Copa do Mundo. O Beira-Rio está pronto para receber partidas de futebol. A questão é a transformação do estádio para receber jogos da Copa", relatou a entidade.

Leia a íntegra da nota:


Prefeitura, Governo do Estado e Internacional compromissados em encontrar uma solução para a questão das estruturas complementares até quinta-feira, 20 de fevereiro

Em encontro realizado nesta segunda-feira (17/2) em Porto Alegre, o governo do Estado do Rio Grande do Sul, a Prefeitura de Porto Alegre e o Sport Club Internacional se comprometeram a apresentar uma solução conjunta para os problemas financeiros em relação às estruturas complementares ao Estádio Beira-Rio até quinta-feira, 20 de fevereiro. O anúncio está previsto para acontecer no mesmo dia da inauguração do Beira-Rio, que contará com a presença da presidente da República Dilma Rousseff. O encontro teve a participação do secretário-executivo do Ministério do Esporte, Luis Fernandes, do secretário-geral da FIFA, Jérôme Valcke, do CEO do Comitê Organizador Local (COL), Ricardo Trade, do vice-governador do Rio Grande do Sul, Beto Grill, do prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, e do presidente do Internacional, Giovani Luigi.

FIFA e COL gostariam de reiterar que não está em discussão se Porto Alegre será ou não sede da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014. O Beira-Rio está pronto para receber partidas de futebol. A questão é a transformação do estádio para receber jogos da Copa do Mundo da FIFA. Todas as partes estão compromissadas e trabalhando com empenho para encontrar uma solução para a questão das estruturas complementares.



Bookmark and Share