Correio do Povo

Porto Alegre, 2 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
15ºC
Amanhã
14º 22º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Inter

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

21/03/2014 12:51 - Atualizado em 21/03/2014 18:25

"Festa é o Inter jogar no Beira-Rio", diz Abel Braga

Técnico diz que não entende os motivos de não poder jogar em casa e criticou o espetáculo da reinauguração oficial

Técnico Abel Braga ficou irritado com mudança do local do jogo deste sábado<br /><b>Crédito: </b> Alexandre Lops / Divulgação Inter / CP
Técnico Abel Braga ficou irritado com mudança do local do jogo deste sábado
Crédito: Alexandre Lops / Divulgação Inter / CP
Técnico Abel Braga ficou irritado com mudança do local do jogo deste sábado
Crédito: Alexandre Lops / Divulgação Inter / CP

O técnico colorado Abel Braga não escondeu sua insatisfação com a mudança do local da partida deste sábado, às 16h, contra o Cruzeiro para o Estádio do Vale, em Novo Hamburgo. “O Inter continua igual ao ano passado, sem casa, sem destino. Uns preferem Caxias, outros Novo Hamburgo. Eu vou ficar na beira do campo. Estamos preparados para o que for. Isso de que não vai ser por festa ou por alpinista, isso é conversa para boi dormir. Festa é o jogo com o torcedor no estádio. As pessoas estão fazendo de tudo para aparecer”, declarou Abel sem revelar se a bronca era com pessoas do clube ou da festa de reinauguração do estádio.

“Nós já jogamos. Se não tivesse tido jogo porque não tá pronto, eu entenderia. Você faz um jogo com 10 mil pessoas e um mês depois não dá. Piorou o negócio? A obra não parou. Me faz entender isso. O que eu consigo entender é fazer dois jogos e depois não poder jogar no meu campo. Para mim tem coisa mais forte que isso que não é explicada. Deveria ser”, seguiu

Abel criticou até mesmo a festa e reinauguração do Beira-Rio. O comandante colorado falou que não quer saber das festividades e disse que irá apenas fazer seu trabalho de treinar o time no amistoso contra o Peñarol. “A minha festa é meu time jogar dentro do Beira-Rio. A festa do torcedor do Inter é ver o time dele jogar no estádio dele. Não quero saber de festa. Jogo com o Peñarol é o jogo. Vou estar na beira do campo. Não quero saber de festa. O estádio está pronto e o Inter segue jogando fora de casa”, completou.

Antes da coletiva, Abel comandou um treinamento que confirmou a escalação dos 11 jogadores considerados titulares pela primeira vez na temporada. O Inter entrará em campo para enfrentar o Cruzeiro com: Dida; Gilberto, Paulão, Juan e Fabrício; Willians, Aránguiz, Alex e D’Alessandro; Jorge Henrique e Rafael Moura.

Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.