Correio do Povo

Porto Alegre, 29 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
6ºC
Amanhã
23º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Inter

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

22/03/2014 17:51 - Atualizado em 22/03/2014 19:46

Inter vence Cruzeiro por 3 a 1 e está na semifinal do Gauchão

Com dois gols de Aránguiz e um de Wellington Paulista, Colorado pegará o Caxias na próxima fase

Volante Aránguiz marcou duas vezes
Crédito: Alexandre Lops /Inter/ CP

Com dois gols do volante Aránguiz e um de Wellington Paulista, o Inter garantiu a ida para a semifinal do Campeonato Gaúcho neste sábado. Apesar da forte marcação, o Colorado bateu o Cruzeiro por 3 a 1 nesta tarde no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo, e continua vivo no torneio estadual.

O time do técnico Abel Braga pega agora o Caxias na semifinal do Estadual. Com a melhor campanha na fase de grupo, a equipe tem a vantagem de atuar em casa. A partida também deverá ser realizada no Estádio do Vale. O time caxiense venceu o Veranópolis nos pênaltis na noite dessa sexta-feira.

Início truncado e Aránguiz abre placar

O Inter não começou bem o primeiro tempo, mas melhorou da metade para o fim. O Cruzeiro armou uma forte marcação no início do jogo e fechou os espaços para o ataque colorado. O meio-campo do Colorado encontrava dificuldade para reter a bola e criar no setor ofensivo.

Com apenas dois minutos, uma lambança defensiva do Inter quase resultou em gol. Dida recebeu a bola, ajeitou para a perna esquerda e acabou entregando a pelota para o adversário. A bola ficou com Márcio Bambu, mas ele foi desarmado na sequência pelo volante Willians.

Logo depois, o Cruzeiro surpreendeu os colorados com bela jogada no lado esquerdo. Reinaldo recebeu livre na área, mas chutou em cima do goleiro colorado. Depois do susto, o Inter acertou a marcação e passou a tentar a ligação direta. Aos oito minutos, Jorge Henrique achou espaço e concluiu para fora.

Por pouco o zagueiro Paulão não abriu o placar aos 15 minutos. Em falta perto da área, D'Alessandro cobrou com categoria no segundo pau e Paulão chegou alguns centímetros atrasado. Na sequência, o goleiro Fábio afatou cruzamento que tinha como direção a cabeça do centroavante Wellington Paulista.

O volume de jogo do Inter aumentou. Aos 21, os jogadores do Colorado pediram pênalti após D'Alessandro pegar de primeira dentro da área e a bola bater no braço do marcador. O juiz entendeu que não foi intencional. De tanto pressionar, o gol colorado saiu na marca de 32 minutos. O camisa 10 do Inter fez boa jogada na direita e tocou com categoria para Aránguiz. O chileno emendou uma bomba e abriu o placar.

Após o 1 a 0, o Inter passou a dominar amplamente a partida. O Cruzeiro criou pouco, apenas com um chute de longe de Reginaldo, para fora. Aos 36, Wellington Paulista foi lançado na área, dominou no peito, mas concluiu para fora. No final, D'Ale quase aumentou a vantagem. O argentino pegou rebote na direita e mandou a bola muito perto da trave.

Cruzeiro assusta, mas Wellington Paulista decreta 3 a 1

O ritmo da partida caiu muito no segundo tempo. Na frente do placar, o Inter assumiu o controle do jogo desde o início e aproveitou para administrar o placar positivo. Recuado, o adversário poucas vezes se arriscou na frente.

Na marca de sete minutos, Wellington Paulista pegou bom cruzamento e, de cabeça, colocou a bola muito perto da meta. Dez minutos depois, um chute do meia Alex obrigou o goleiro do oponente a fazer boa defesa. O meia deu uma pancada de longe. Fábio foi no alto e espalmou.

E novamente Aránguiz balançou as redes adversárias. A 22, o volante encontrou Fabrício na esquerda. O chute do lateral foi espalmado pelo goleiro. No rebote, a pelota voltou para o chileno, que teve o trabalho de empurrar para a meta.

Como reação, Henrique bateu da entrada da área aos 30 minutos. O goleiro Dida segurou a bola. Na sequência, Wellington Paulista matou cruzamento no peito na área, mas finalizou torto.

O gol de Matheus esquentou o jogo nos minutos finais. Aos 38, a defesa do Inter estava fora do lugar e Matheus recebeu sozinho na frente. Ele deu uma meia-lua em Dida e diminuiu a vantagem colorada. Mas faltou força para o time visitante buscar o empate. Aos 44, Wellington Paulista recebeu soltou um foguete no ângulo e garantiu o triunfo - 3 a 1.

Gauchão - Quartas de final

Inter 3
Dida; Gilberto, Paulão, Juan e Fabrício; Willians, Aránguiz e Alex (Ygor); D’Alessandro (Sasha), Jorge Henrique (Alan Patrick) e Welligton Paulista. Técnico: Abel Braga.

Cruzeiro 1
Fábio; Klaydir, Carlão, Léo e Jeanderson; Cláudio, Reginaldo, Vanderson (Henrique) e Júlio Abu (Paulo Sérgio); Leandro Rodrigues e Márcio Bambu (Matheus). Técnico: Luiz Antonio Zaluar.

Gols: Aránguiz (32min/1ºT e 22min/2ºT) e Welligton Paulista (44min/2ºT); Matheus (38min/2ºT)
Cartões amarelos: Carlão (C).
Árbitro: Leandro Vuaden.
Local: Estádio do Vale, Novo Hamburgo.

Bookmark and Share


     Ouça o áudio: Confira a narração dos gols pela rádio Guaíba


Fonte: Laion Espíndula / Correio do Povo






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.