Porto Alegre, segunda-feira, 20 de Outubro de 2014

  • 23/03/2014
  • 17:52
  • Atualização: 18:24

Com show de Barcos, Grêmio goleia o Juventude na Arena

Argentino marcou os três gols na vitória de 3 a 0 que garantiu o Tricolor na semifinal do Gauchão

  • Comentários
  • Correio do Povo

O Grêmio goleou o Juventude por 3 a 0 na tarde deste domingo na Arena com uma grande atuação de Barcos e garantiu vaga na semifinal do Campeonato Gaúcho. O argentino marcou os três gols e, de quebra, ajudou o Tricolor a quebrar o tabu de cinco jogos sem vitória sobre o Alviverde.

Com a vitória, o Grêmio vai enfrentar o Brasil de Pelotas na Arena na semifinal do Gauchão. A partida será na quarta-feira às 19h30min.

Grêmio inicia sufocando e Barcos faz 1 a 0

O Grêmio iniciou a partida disposto a decidir logo sua classificação para a semifinal do Gauchão. Marcando no campo ofensivo e impondo velocidade, o time de Enderson Moreira não deu espaço ao Juventude nos primeiros minutos. O time da Serra tinha dificuldade para sair de trás e era sufocado pelo Tricolor.

Faltava à equipe de Enderson Moreira apenas o gol. E o último passe foi o problema nos primeiros minutos. Pará, aos 3, e Edinho, aos 7, erraram os passes que deixariam Barcos e Luan, respectivamente, na cara do goleiro Fernando. E o gol gremista veio assim que a assistência deu certo. Aos 9, Pará acertou um ótimo cruzamento do lado direito e encontrou o centroavante Barcos, que mandou para o fundo das redes, 1 a 0.

O gol não fez Grêmio o diminuir o ritmo. O Tricolor seguiu em cima e perdeu duas oportunidades para marcar em chutes de fora da área. Aos 12, Wendell recebeu de Dudu e bateu à direita do gol de Fernando. Aos 17, foi a vez de Dudu arriscar novamente levando perigo.

Vendo seu time enfrentar muitas dificuldades para jogar, o técnico Roger aproveitou a lesão do volante Vacaria para tornar o time mais ofensivo e mandou a campo o atacante Ermel. Mesmo ainda sem a mudança surtir efeito na equipe, o Juventude criou em seguida a sua primeira chance na partida. Aos 27, Yann fez jogada pelo lado esquerdo, passou por Pará e bateu uma bola perigosa para o gol de Grohe.

Com a postura mais ofensiva do Juventude, o Grêmio diminuiu o ritmo na parte final do primeiro tempo. Enderson Moreira recuou o time, que passou a marcar mais em seu campo de defesa na tentativa de um contra-ataque para chegar ao segundo gol. Sem encaixar nenhum bom contragolpe, mas controlando bem o Alviverde, o Tricolor foi para o intervalo com a vantagem mínima.

Barcos marca mais dois e confirma goleada gremista

O Grêmio iniciou a etapa final com mais dificuldade que no começo da partida. A equipe gremista não conseguiu criar nos primeiros 10 minutos e mostrou nervosismo. Por faltas duras, Ramiro e Riveros levaram cartões amarelos. O Juventude teve boa chance para o empate logo aos 2 minutos com Rafael Pereira, que subiu mais alto que a defesa após escanteio, mas mandou por cima.

Se o coletivo não funcionou no começo do segundo tempo, apareceu a qualidade individual. Dudu deu um excelente passe de calcanhar e deixou Wendell na cara do gol. Mas antes do lateral-esquerdo gremista finalizar, Juliano deu um carrinho para derrubá-lo, pênalti para o Grêmio. Barcos foi para a cobrança e bateu sem chances para Fernando: 2 a 0.

O placar praticamente definiu o jogo. O Juventude ,que havia começado bem a segunda etapa, não conseguiu mais jogar e deu espaços para o Grêmio. Aos 22, Dudu arriscou de fora da área e obrigou Fernando a fazer uma difícil defesa. Aos 27, mais um do Grêmio, mais um de Barcos. Após jogada de Dudu, o centroavante recebeu, se livrou de Fernando com um bonito drible e mandou para o fundo das redes, 3 a 0.

Com a vantagem Enderson Moreira mexeu na equipe. Aos 31, sacou Riveros e mandou Alán Ruiz a campo. Três minutos depois, Everton entrou na vaga de Dudu, um dos destaques da partida. E o argentino entrou bem. Aos 37 fez uma linda jogada e tocou para Éverton, que sofreu a falta de Rodrigo Heffner na entrada da área. Na cobrança, Alán Ruiz obrigou Fernando a fazer uma grande defesa para impedir o quarto tento gremista. Antes do apito final, Enderson ainda fez uma última mudança, Jean Deretti entrou na vaga de Luan.

Aos 46, Marcelo Grohe fez grande defesa em finalização de Ermel e impediu o gol de honra do Juventude. Final de partida: Grêmio 3 x 0 Juventude.

Ficha técnica

Grêmio 3

Marcelo Grohe; Pará, Werley, Rhodolfo, Wendell; Edinho, Ramiro, Riveros (Alán Ruiz), Dudu (Éverton); Luan (Jean Deretti) e Barcos. Técnico: Enderson Moreira

Juventude 0
Fernando; Juliano (Rodrigo), Rafael Pereira, Diogo, Julinho; Vacaria (Ermel), Jardel, Mika, Yann; Douglas e Zulu
Técnico: Roger Machado

Gols: Barcos (9min-1ºT/11min-2ºT/27min-2ºT)
Cartões amarelos: Edinho, Ramiro , Riveros (GRE), Zulu, Juliano, Mika, Rodrigo Heffner, Ermel (JUV)
Árbitro: Anderson Daronco
Local: Arena do Grêmio

Bookmark and Share


TAGS » Grêmio, Futebol, Esporte