Porto Alegre, sábado, 25 de Outubro de 2014

  • 31/03/2014
  • 13:44
  • Atualização: 13:45

Uruguai é investigado por irregularidades e pode ficar fora da Copa

Segundo suplemento esportivo Ovación Digital", do jornal "El País, a Fifa investiga crise na AUF

  • Comentários
  • Lancepress

A crise instaurada na AUF (Associação Uruguaia de Futebol) pode acabar tirando a seleção uruguaia da Copa do Mundo. De acordo com o "Ovación Digital", caderno do tradicional jornal "El País" dedicada a esportes, a renúncia do presidente Sebastián Bauzá está sendo investigada pela Fifa, que suspeita de intervenção do governo do presidente José Mujica.

Caso isso tenha acontecido, a Fifa pode sancionar o Uruguai de várias formas, pois a intervenção de governos executivos em associações de futebol é expressamente proibida pela entidade internacional. A suspeita vem do fato de Mujica ter proibido a entrada de policiais no Parque Central e no Centenario, os dois principais estádios de Montevidéu.

Ainda segundo o "Ovación Digital", a Conmebol informou a Fifa que um grupo de empresários ligado ao governo de José Mujica teria pressionado Bauzá a renunciar à presidência.

Bookmark and Share