Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 10/04/2014
  • 22:27
  • Atualização: 23:15

Esportivo perde nove pontos no TJD e está rebaixado do Gauchão

Decisão que pode ser revertida no STJD devolve Passo Fundo à divisão principal

  • Comentários
  • Correio do Povo e Rádio Guaíba

O pleno do Tribunal de Justiça Desportiva do Rio Grande do Sul determinou a punição do Esportivo de Bento Gonçalves, após cinco horas de deliberação nesta quinta-feira. O clube foi descontado em nove pontos na tabela do Gauchão, o que acarreta o rebaixamento do clube, por cinco votos a três. Cabe recurso no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

• Grêmio é multado em R$ 80 mil por racismo a Paulão

Também foi estabelecida multa de R$ 30 mil pelos atos de racismo perpetuados pela torcida contra o árbitro Márcio Chagas. Com a decisão, o Passo Fundo retoma um lugar na divisão principal do torneio estadual.

Inicialmente, a Comissão Disciplinar do TJD condenou o Esportivo a uma multa e perda de cinco mandos de campo, sem desconto de pontos devido ao caso de racismo no estádio Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves. O episódio ocorreu na partida entre o Alviazul e o Veranópolis.

Márcio Chagas relatou que um grupo de torcedores o xingou desde o início da partida. “Eram uns 15 ou 20 torcedores, todos homens, mesmo adolescentes e crianças, que estavam junto à tela, próximo à entrada do vestiário, a uma distância de uns 10 metros. Começaram a gritar 'macaco fdp', 'escória', 'vai para a selva', 'volta para o circo', além dos insultos já habituais de campo de futebol”, recordou.

Ao fim do compromisso, o profissional disse que encontrou bananas espalhadas em seu carro. O automóvel também estaria com arranhões na lataria e partes amassadas.

Bookmark and Share