Porto Alegre, sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

  • 11/04/2014
  • 20:29
  • Atualização: 20:40

Ministro do Esporte garante Itaquerão pronto para abertura da Copa

Aldo Rebelo frisou que estádio e entorno apresentarão todas as condições para o Mundial

  • Comentários
  • Agência Brasil

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, afirmou nesta sexta-feira que a Arena Corinthians, o Itaquerão, está garantido como local de abertura da Copa. “Tenho recebido também, dos responsáveis pela construção, mensagens de tranquilidade no sentido de que a obra será entregue e o Brasil terá o estádio com todas as condições para a realização do evento”, ressaltou, antes de participar de um seminário promovido pela Federação Nacional dos Engenheiros, na capital paulista.

As obras para instalação de parte das arquibancadas provisórias foram liberadas hoje, após vistoria do Ministério do Trabalho e Emprego. Essa parte do canteiro estava interditada desde o último dia 29, quando o operário Fábio Hamilton da Cruz morreu ao cair de uma altura de 8 metros. A parte sul das arquibancadas provisórias tinha sido liberada na sexta-feira passada. O acidente foi o segundo em quatro meses de construção do estádio. No final de novembro, dois operários morreram na queda de um guindaste.

Rebelo destacou que todos os outros estádios que receberão jogos do Mundial estão prontos. “São 11 estádios já entregues, com eventos testes já realizados”, enfatizou o ministro. “O último que resta para realizar o evento teste, mas, segundo consta, já anunciou, é o Corinthians. Então, nós teremos ainda em abril os estádios prontos para a Copa”, acrescentou.

O ministro falou também sobre o legado que será deixado pelo evento. “Há projeções de consultorias independentes de até 3,6 milhões de empregos criados pela Copa do Mundo. Dezenas de milhares só nas construções dos estádios”, exemplificou. Segundo Rebelo, houve ganhos significativos em infraestrutura. “Os aeroportos estão em obras, com grandes investimentos, tanto do setor público quanto do setor privado, que recebeu os aeroportos em concessões”.

Bookmark and Share