Porto Alegre, segunda-feira, 22 de Dezembro de 2014

  • 23/04/2014
  • 22:21
  • Atualização: 22:33

Nacional do Paraguai surpreende e derrota o poderoso Vélez

Julián Benitez marcou 1 a 0 já nos minutos finais da partida de ida das oitavas de final da Libertadores

Julián Benitez marcou 1 a 0 já nos minutos finais da partida de ida das oitavas de final da Libertadores | Foto: Norberto Duarte/AFP/CP

Julián Benitez marcou 1 a 0 já nos minutos finais da partida de ida das oitavas de final da Libertadores | Foto: Norberto Duarte/AFP/CP

  • Comentários
  • Lancepress

O modesto Nacional do Paraguai suou a camisa e derrotou na raça o poderoso Vélez Sarsfield, nesta quarta-feira pelas oitavas de final da Libertadores. O placar mínimo, de 1 a 0, foi obtido no fim do jogo em Assunção. A pequena equipe paraguaia ainda teve de segurar pressão dos argentinos para comemorar a vantagem contra a melhor campanha da competição na fase de grupos.

O jogo se encaminhava para um empate sem gols, mas Julián Benítez deu a vitória inesperada ao time paraguaio aos 41 minutos do segundo tempo. A rede não chegou a balançar, já que o goleiro uruguaio Sebastían Sosa fez a defesa com o pé, mas a bola já tinha cruzado a linha, por isso o juiz brasileiro Héber Lopes validou o gol corretamente.

Para se classificar no tempo normal, o Vélez terá que vencer por dois gols de diferença na próxima terça-feira, no estádio José Altafini de Buenos Aires. Se devolver o placar de 1 a 0, o confronto irá para a prorrogação. Quem avançar enfrentará nas quartas de final o vencedor do confronto entre Arsenal de Sarandí e Unión Española, que fazem o primeiro jogo nesta quinta-feira na Argentina.

Bookmark and Share