Porto Alegre, quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

  • 29/04/2014
  • 13:05
  • Atualização: 13:14

Inter pode pagar multa milionária por descumprimento de TAC

MP informou que valor de obras de acessibilidade já chegou a R$ 1,4 milhão

Inter pode pagar multa milionária por descumprimento de TAC | Foto: Ricardo Giusti / CP Memória

Inter pode pagar multa milionária por descumprimento de TAC | Foto: Ricardo Giusti / CP Memória

  • Comentários
  • Correio do Povo

O descumprimento do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) do Beira-Rio irá custar ao Inter diariamente mais de R$ 64 mil. A informação foi divulgada nesta terça-feira pelo promotor de Justiça do Torcedor, José Francisco Seabra Júnior, que irá pedir o pagamento de uma multa milionária ao clube por não cumprir o requisitos para acessibilidade no estádio. O valor já está na casa de R$ 1,4 milhão. 

Durante a entrevista coletiva no Ministério Público Estadual, Seabra afirmou que quase nenhuma obra relacionada à acessibilidade foi concluída. Os banheiros do Beira-Rio seguem inacessíveis para cadeirantes, assim como o acesso aos lugares especiais do estádio. A casa colorada tem 64, mas precisa de 128 de acordo com a Fifa. A sinalização luminosa também não foi feita, assim como as rampas que garantem o deslocamento de torcedores em cadeiras de rodas.

Seabra alertou que a multa para cada jogo da Copa do Mundo sem as obras de acessibilidade custará ao clube R$ 1,6 milhão. O promotor relatou ainda que já perdeu a conta de quantas reuniões foram realizadas para concluir os trabalhos no estádio Beira-Rio, de acordo com o termo assinado ainda no dia 5 de abril. 


Bookmark and Share


TAGS » Futebol, Inter, Esporte