Porto Alegre, sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

  • 11/05/2014
  • 18:39
  • Atualização: 18:42

Atlético-MG bate Cruzeiro de virada no Horto

Galo escapou da zona de rebaixamento ao vencer o rival por 2 a 1

Atlético-MG bate Cruzeiro de virada no Horto | Foto: Bruno Cantini / Atlético-MG / CP

Atlético-MG bate Cruzeiro de virada no Horto | Foto: Bruno Cantini / Atlético-MG / CP

  • Comentários
  • Lancepress

Bastante desfalcado, o Atlético-MG venceu os reservas do Cruzeiro, por 2 a 1, neste domingo, no Estádio Independência. Esta foi a primeira vitória do Galo no Campeonato Brasileiro. O time alvinegro chega a quatro pontos, enquanto a Raposa se mantém com sete pontos na tabela de classificação do torneio.

O primeiro tempo foi bastante movimentado. Sem seus principais jogadores, os dois times fizeram uma boa partida. O time de Levir Culpi criou as melhores oportunidades na etapa inicial, mas esbarrou nos erros de finalizações dos atacantes. Fernandinho desperdiçou a principal chance da equipe alvinegra.

A Raposa, embora não tenha importunado o goleiro Victor muitas vezes, foi a responsável por abrir o placar. Marcelo Moreno aproveitou o rebote do camisa 1 atleticano após jogada de Souza e balançou a rede.

Na volta do intervalo, o treinador do Atlético alterou a formação e colocou o jovem Carlos na vaga do zagueiro Edcarlos. A mudança foi primordial para a nova postura do Galo. Os comandados de Levir Culpi criaram boas chances de marcar e conquistaram, inclusive, a virada.

Substituto do atacante Diego Tardelli, com dores na panturrilha direita, Marion aproveitou cruzamento de Alex Silva e balançou a rede de Fábio. O empate incendiou o jogo disputado no Campo do Horto.

O empate saiu 15 minutos depois. Héber Roberto Lopes assinalou pênalti de Léo em Leonardo Silva. André, que entrou na vaga do lesionado Jô, converteu a cobrança e colocou o Atlético em vantagem no clássico.

Ainda durante o jogo, o atacante Luan recebeu cartão vermelho. O jogador acertou cotovelada no volante Leandro Donizete e deixou o campo ainda no primeiro tempo. No fim da partida, Marcelo Moreno também foi expulso por Héber Roberto Lopes. O centroavante boliviano questionou a atuação do juiz.

Bookmark and Share