Porto Alegre, terça-feira, 21 de Outubro de 2014

  • 19/05/2014
  • 09:38
  • Atualização: 09:59

Matéria do New York Times alerta para sujeira da Baía de Guanabara

Jornal destacou poluição nas águas do Rio de Janeiro, palco dos Jogos Olímpicos de 2016

  • Comentários
  • Correio do Povo

"Não caia nas águas do Rio". Esta é uma das manchetes que estampam a capa do jornal norte-americano The New York Times desta segunda-feira. A matéria serve como uma espécie de alerta para os atletas estrangeiros que participarão dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro em 2016. Segundo o texto, a poluição na Baía de Guanabara dificulta os treinamentos para remo e windsurf.

Na matéria, o atleta Nico Delle Karth, do remo da Austrália, comenta que a Baía de Guanabara é o lugar mais sujo em que ele já treinou. Segundo o texto, existem pneus de carro e colchões na orla. De acordo com o texto, Karth estava com medo de colocar os pés nas areias do local pela quantidade de sujeira existente. "Eu nunca vi algo assim antes", comentou.

O The New York Times lembra que o Brasil ainda corre contra o tempo para concluir alguns estádios para a Copa do Mundo e ao mesmo tempo já recebeu críticas para próximo grande evento, que será realizado no Rio de Janeiro em 2016.

O jornal ainda cita que o vice-presidente do Comitê Olímpico Internacional, John Coates, comentou que a preparação para os Jogos Olímpicos do Rio é a pior que ele já vivenciou.




Bookmark and Share