Correio do Povo

Porto Alegre, 26 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
8ºC
Amanhã
17º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Grêmio

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

13/06/2014 08:02 - Atualizado em 13/06/2014 09:57

Grêmio confirma contratação de Giuliano

Meia vem para suprir carência no setor criativo do Tricolor

Jogador vem para suprir carência no setor criativo Tricolor<br /><b>Crédito: </b> Dnipro / Divulgação / CP
Jogador vem para suprir carência no setor criativo Tricolor
Crédito: Dnipro / Divulgação / CP
Jogador vem para suprir carência no setor criativo Tricolor
Crédito: Dnipro / Divulgação / CP

O Grêmio confirmou na manhã desta sexta-feira, via Twitter, a contratação do meia Giuliano junto ao Dnipro, da Ucrânia. O jogador, que está de férias em Curitiba, vem para suprir uma carência no setor de criativo do Tricolor. Atualmente, o grupo conta Zé Roberto, Rodriguinho, Maxi Rodrigues e Alan Ruiz, mas nenhum tem agradado a torcida na temporada 2014.

Na última temporada, Giuliano participou de 23 jogos das 28 rodadas do Campeonato Ucraniano e de cinco das dez partidas do seu clube na Liga Europa. Nas duas competições, o meio-campista marcou sete gols. Ele é tido como uma das principais estrelas do seu time.

Nascido em Curitiba, Giuliano iniciou a carreira no Paraná Clube. O meia foi contratado pelo Inter no começo de 2009, aos 18 anos, por pouco mais de 2 milhões de dólares após ser um dos destaques da Série B de 2008. Depois de participar do Mundial Sub-20 pela Seleção Brasileira, se firmou com um dos principais jogadores do Inter no segundo semestre na campanha do vice-campeonato brasileiro. No entanto, foi no ano seguinte que viveu seu melhor momento na carreira.

Mesmo sem ter a condição de titular, Giuliano foi o grande nome da campanha do Inter na conquista da Libertadores de 2010. O meia marcou seis gols – entre eles, o que garantiu a classificação para a semifinal no último minuto contra o Estudiantes na Argentina - e foi escolhido o melhor jogador da competição. No Mundial, entrou no segundo tempo na semifinal, mas não conseguiu impedir a derrota para o Mazembe. Giuliano foi vendido para o Dnipro no começo de 2011 por 10 milhões de euros.

Nas quatro temporadas de Ucrânia, Giuliano disputou 87 partidas e marcou 16 gols. O Dnipro também participou da Liga Europa no período, mas não fez campanhas destacadas. No clube ucraniano, Giuliano tem atuado centralizado na linha de mais do esquema 4-2-3-1 e em algumas oportunidades chegou a jogar como volante.

Seleção

O bom desempenho de Giuliano no Inter despertou a atenção do técnico Mano Menezes. O novo reforço foi convocado para a Seleção Brasileira para oito jogos em 2011, mas não marcou nenhum gol. Pela base, o meia foi campeão do Sul-Americano Sub-20 de 2009 e participou da campanha vicecampeonato do Mundial do mesmo ano – Brasil foi derrotado por Gana na final.






Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.