Correio do Povo

Porto Alegre, 21 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
14ºC
Amanhã
16º 24º


Faça sua Busca


Notícias > Geral

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

25/08/2011 09:03 - Atualizado em 25/08/2011 09:10

Colisão com quatro mortes congestiona a BR 285

Acidente envolvendo três caminhões ocorreu em Vitoria das Missões

Colisão com quatro mortes congestiona a BR 285<br /><b>Crédito: </b> Divulgação / PRF
Colisão com quatro mortes congestiona a BR 285
Crédito: Divulgação / PRF
Colisão com quatro mortes congestiona a BR 285
Crédito: Divulgação / PRF

Após um acidente com quatro mortes em Vitória das Missões, o km 509,4 da BR 285 segue bloqueado, com congestionamento nos dois sentidos da rodovia. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), três caminhões – um com placas de Passo Fundo e dois com placas de Ijuí – colidiram próximo à ponte do rio Moinho, por volta da meia-noite desta quinta-feira.

Duas vítimas fatais são os condutores dos caminhões com placas de Ijuí: Julio Cezar Weber, de 45 anos, e Antônio Roberto Correa Dinat, de 36 anos. Morreram também o motorista do veículo de Passo Fundo, Marco Antônio Timóteo, 28 anos, e a caroneira Aline de Borba, 25. O passageiro de um dos caminhões com placa de Ijuí, José Carlos da Silva Martins, 35 anos, foi socorrido e levado para o Hospital de Santo Ângelo, onde está em observação.

Segundo a PRF, o acidente teria ocorrido durante uma ultrapassagem. O motorista do caminhão de Passo Fundo teria tentado ultrapassar o caminhão de Ijuí, colidido de frente e tombado na rodovia. O segundo veículo de Ijuí também teria colidido frontalmente na sequência.


Bookmark and Share


Fonte: Correio do Povo





» Tags:Acidente Geral


O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.