Correio do Povo

Porto Alegre, 24 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
18ºC
Amanhã
12º 22º


Faça sua Busca


Notícias > Internacional

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

13/12/2013 09:54 - Atualizado em 13/12/2013 09:59

Mujica reage a críticas sobre legalização da maconha

Presidente de organismo da ONU reclamou por não ter sido recebido por autoridades uruguaias

Mujica reage a críticas sobre legalização da maconha <br /><b>Crédito: </b> Daniel Caselli / AFP / CP
Mujica reage a críticas sobre legalização da maconha
Crédito: Daniel Caselli / AFP / CP
Mujica reage a críticas sobre legalização da maconha
Crédito: Daniel Caselli / AFP / CP

O presidente uruguaio, José Mujica, reagiu com irritação na noite dessa quinta-feira às críticas de um órgão da ONU sobre a legalização da maconha aprovada nesta semana no país. O presidente da Junta Internacional de Fiscalização de Entorpecentes (JIFE), Raymond Yans, lamentou a decisão uruguaia e reclamou do fato de não ter sido recebido pelas autoridades do país. "Comigo se reúne qualquer tipo de pessoa na rua. Que venha ao Uruguai e se reúna comigo quando quiser. Que não fale para a tribuna", disse Mujica.

"Porque estão em um posto de pedestal acreditam que podem dizer qualquer disparate", completou. "Que venha, mas vai ter que explicar o que acontece em um monte de estados americanos, onde cada um deles, apenas com a capital, superam a população do Uruguai. Ou tem dois discursos, um para o Uruguai e outro para os que são fortes?", questionou, a respeito das legislações dos estados americanos de Washington e Colorado.

O país sul-americano, de 3,3 milhões de habitantes, se tornou o primeiro país a legalizar a produção e a venda de maconha, uma iniciativa considerada pelo governo como um experimento para enfrentar o narcotráfico, em um continente no qual as políticas repressivas se revelaram ineficazes e resultaram em banhos de sangue e no aumento de poder dos grupos criminosos. Mas para a JIFE, a legislação contradiz a convenção de 1961 sobre narcóticos, assinada pelo Uruguai.

Bookmark and Share


Fonte: AFP







O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.