Correio do Povo

Porto Alegre, 20 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
20ºC
Amanhã
16º 24º


Faça sua Busca


Notícias > Geral > Meio Ambiente

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

20/12/2013 18:32 - Atualizado em 20/12/2013 18:47

Sistema que prevê despoluir o Guaíba entrará em operação em março

Fepam e Dmae fecharam acordo para monitorar a Estação Serraria

Depois de quase um ano de impasse, a Fundação Estadual do Meio Ambiente (Fepam), o Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae) e o Ministério Público (MP) firmaram um acordo para liberar o funcionamento da Estação de Tratamento Serraria, na zona Sul de Porto Alegre. A obra é considerada crucial para por em operação o Programa Integrado Socioambiental (Pisa), cuja meta é elevar o tratamento de esgoto de 30% para 77%. A estrutura está pronta desde fevereiro, mas em função de uma mudança no projeto, segue fora de operação.

Conforme o Termo de Ajustamento Conduta (TAC), nos próximos dois meses serão instalados equipamentos para monitorar três pontos do saneamento do Guaíba, incluindo o de emissão de esgoto tratado da Estação Serraria. A pré-operação vai começar somente em março. A acordo estabelece que técnicos serão contratados para verificar a necessidade ou não de estender a tubulação do cano que libera resíduos finais do tratamento, já que um quilômetro do cano foi retirado.

Conforme o presidente da Fepam, Nilvo Alves da Silva, nessa hipótese a Prefeitura se compromete a executar a correção. “É um processo técnico que vai definir qual afinal deve ser a extensão total do emissário. Está tudo previsto no TAC”, afirmou.

Já o diretor-presidente do Dmae, Flávio Presser, garante que a estação está pronta para minimizar a poluição do Guaíba. “Vamos começar com a desinfecção dos efluentes para eliminar qualquer dano, mas garantimos que todos os estudos que fizemos são conclusivos para melhorar significativamente o saneamento”, concluiu Presser.

A vazão de esgoto tratado deve ser progressiva: 530 litros por segundo, de início, até que se atinjam 2,5 mil litros por segundo em um prazo médio de um ano.

Bookmark and Share

Fonte: Rádio Guaíba





» Tags:Dmae Fepam


O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.