Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
21ºC
Amanhã
13º 23º


Faça sua Busca


Notícias > Geral

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

29/12/2013 15:46 - Atualizado em 29/12/2013 15:49

Metrovias abre cancelas de cinco pedágios

Governo retomará praças concedias à iniciativa privada há 15 anos

Governo retomará praças concedias à iniciativa privada há 15 anos<br /><b>Crédito: </b> Metrovias / Divulgação / CP
Governo retomará praças concedias à iniciativa privada há 15 anos
Crédito: Metrovias / Divulgação / CP
Governo retomará praças concedias à iniciativa privada há 15 anos
Crédito: Metrovias / Divulgação / CP

A concessionária Metrovias decidiu encerrar a cobrança do pedágio nas praças de Viamão (ERS 040), Santo Antônio da Patrulha (ERS 474), Eldorado do Sul (BR 290), Pantano Grande (BR 290) e Guaíba (BR 116) na tarde deste domingo. Por meio de nota, a concessionária ressaltou que à meia-noite desta segunda-feira encerrará suas atividades nas ERSs 030, 040, 474 e 784, e nas BRs 116, 153 e 290, com o que cessarão os serviços de guinchos, ambulâncias e inspeção de tráfego.

Também deixarão de ser atendidas as chamadas de emergência e ouvidoria, sendo desativado o telefone 0800, com o que eventuais pedidos de socorro ou quaisquer outras solicitações devem ser dirigidos diretamente à Polícia Rodoviária Federal (telefone 191) e ao Comando Rodoviário da Brigada Militar (telefone 198). 

Nesta segunda, o governo do Estado recebe a administração de mais quatro polos de pedágio, há 15 anos concedidos à iniciativa privada no Rio Grande do Sul. O governador Tarso Genro estará às 16h na praça de pedágio da BR 386, entre Carazinho e Sarandi, para participar de ato que marcará a retomada pelo Estado dos polos de Carazinho, Vacaria, Metropolitano e de Gramado.

Encerram-se os contratos rodoviários mantidos com as concessionárias Coviplan, Rodosul, Univias e Brita Rodovias. No caso de Carazinho e Vacaria, polos compostos por rodovias federais, as estradas serão entregues à administração da União, por meio do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e não terão mais pedágios cobrados. Em relação aos chamados polos Metropolitano e de Gramado, os pedágios passarão a ser administrados pela Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR). Em Viamão, a praça está localizada na ERS-040, e em Santo Antônio da Patrulha, na ERS-474. No polo de Gramado, além da ERS-235, as praças estão em Três Coroas (ERS-115) e São Francisco de Paula (ERS-235).

Segundo o governo do Estado, nas rodovias que passarão à administração da EGR, a economia para quem trafega de automóvel em dias úteis da semana (sendo um trecho de ida e outro de volta), passa de R$ 3,5 mil em um ano. Considerando a tarifa mais baixa paga atualmente (R$ 7,00 por trecho), a redução será de R$ 308,00 mensais e de R$ 3.696,00 por ano.

A mudança do modelo de pedágios, antes em vigor por meio do Programa de Concessão de Rodovias (PECR), criado em 1998, destinava às empresas o controle de 27 praças de pedágios em todo o Estado, distribuídos em polos. Após um conjunto de debates com a comunidade, por via do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES-RS), o governo gaúcho optou por não renovar os contratos com as concessionárias - cujo vencimento ocorria neste ano - e criar a EGR para administração dos pedágios nas rodovias estaduais. 

Nas praças da Serra, onde a tarifa era de R$ 7,90 a EGR irá praticar preço único de R$ 5,90. Em Viamão e em Santo Antônio, será executado o tarifário vigente nas demais praças retomadas da iniciativa privada em 2013, o que representa uma economia de pelo menos 26% para automóveis, e 30% para caminhões - dependendo da quantidade de eixos.


Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo





» Tags:Estradas Geral


O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.