Porto Alegre, sábado, 25 de Outubro de 2014

  • 03/01/2014
  • 20:33
  • Atualização: 20:35

Mirante do Dmae na zona Sul só deve receber visitas no fim de fevereiro

Prédio aguarda liberação da Fepam para ser aberto ao público

Prédio aguarda liberação da Fepam para ser aberto ao público | Foto: PMPA/Divulgação CP

Prédio aguarda liberação da Fepam para ser aberto ao público | Foto: PMPA/Divulgação CP

  • Comentários
  • Bernardo Bercht/Correio do Povo

A estrutura do mirante ao lado da avenida Diário de Notícias já chama a atenção na zona Sul de Porto Alegre há mais de um ano. A curiosidade de visitar o espaço com vista para o Guaíba da Estação de Bombeamento de Esgoto Cristal, contudo, vai se manter pelo menos até o final de fevereiro. Mesmo com a edificação pronta, a área turística depende da mesma liberação ambiental das demais obras do Projeto Integrado Socioambiental (Pisa), com prazo de 60 dias para entrar em vigor após cumprimento do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC).

De acordo com o Departamento Municipal de Águas e Esgoto (Dmae), as tratativas do órgão e da prefeitura com a Fepam levaram um ano até o TAC que permitirá concluir os projetos em 2014. “Todo o complexo de obras só poderá ser colocado em funcionamento quando ocorrer a liberação do TAC”, explicou a assessoria de imprensa do Dmae. Contatada, a Fepam não atendeu as ligações da reportagem.

O objetivo é liberar o acesso ao público o mais breve possível, mas outra questão pode atrasar o acesso geral ao mirante que fica em frente às duas torres de tratamento, com 26 metros de altura. Apesar do projeto ser liberado à população, o local não terá os portões sempre abertos. Será necessário agendar visitas e o Dmae já trabalha num método para marcação de horários. A regulação será necessária para preservação do patrimônio e também para garantir a segurança dos frequentadores do mirante.

Obra ganhou destaque internacional

Mesmo vazio, o mirante das torres de tratamento de esgoto já chamou atenção dentro do Brasil e até ganhou destaque internacional por sua arquitetura. Em 2012, foi selecionada entre 95 projetos como uma das obras que representou o país no Panorama de Obras da VIII Bienal Ibero-americana de Arquitetura e Urbanismo, na Espanha. O próximo passo é colocar as pessoas para dentro do prédio, admirado apenas em fotos e na passagem pela avenida, nos últimos meses.

Bookmark and Share


TAGS » Porto Alegre, Geral, Dmae