Porto Alegre, domingo, 21 de Dezembro de 2014

  • 03/02/2014
  • 18:04
  • Atualização: 19:16

Assembleia definirá rumo da greve nesta terça-feira

No TRT, sindicato e empresas acordam sobre salários

Assembleia definirá rumo da greve nesta terça-feira | Foto: Samanta Klein / Rádio Guaíba

Assembleia definirá rumo da greve nesta terça-feira | Foto: Samanta Klein / Rádio Guaíba

  • Comentários
  • Cíntia Marchi / Correio do Povo

Após quase três horas de negociações no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), empresários e rodoviários aproximaram-se de um acordo para pôr fim à greve no transporte público de Porto Alegre. As partes acertaram reajuste de 7,5% à categoria, vale-alimentação de R$ 19 e contrapartida de R$ 10 no plano de saúde.

A proposta será votada em assembleia dos rodoviários marcada para as 8h desta terça-feira, no ginásio Tesourinha. Caso aprovada, 70% da frota será colocada na rua a partir do meio-dia pelas próximas 48 horas – período destinado à negociação de outros pontos da pauta de reivindicações de motoristas e cobradores.

Caso o acordo passe pela assembleia, os empresários comprometeram-se a não descontar os dias parados do salário dos trabalhadores e a não puní-los. Se for rejeitado, a negociação volta à estaca zero.

Avanços ao longo da tarde

Ao longo da tarde, rodoviários e empresas reviram as suas posições iniciais. A categoria exigia 14% de aumento e R$ 20 no vale-refeição, enquanto os empresários estavam dispostos a conceder o índice de inflação (inferior a 7%) e R$ 16 para o vale. A intermediação foi feita pela desembargadora Ana Luiza Heineck Kruse.

Bookmark and Share