Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
21ºC
Amanhã
13º 22º


Faça sua Busca


Notícias > Política

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

24/02/2014 11:37 - Atualizado em 24/02/2014 11:39

Para Jefferson, ficar na cadeia será "mais uma provação"

Ex-deputado disse que ir para Brasília seria um desastre

À espera do mandado de prisão que deve ser emitido na tarde desta segunda, o ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) disse, no Twitter, que o cumprimento da pena na cadeia é "mais uma provação" e que acredita sair mais amadurecido com esta experiência.

Jefferson publicou na rede social algumas das declarações que fez em entrevista à Rádio Estadão, na manhã de hoje. "A prisão é mais uma provação na minha vida, um teste duro, mas acredito que vou sair mais amadurecido disso tudo", disse Jefferson no Twitter. "Deus só dá carga a quem pode carregar. Sou "harleiro" e botafoguense, estou acostumado a sofrer", disse o ex-deputado, que pilota uma moto Harley Davidson. "Estou em paz, a prisão é meu destino e vou cumprir", tuitou.

Jefferson disse não se arrepender de ter denunciado o esquema do mensalão, reclamou de ser chamado de "delator" e informou que pretende pedir autorização para trabalhar, depois que for preso, mas ressalvou que pretende "esperar a liturgia da Justiça".

"Não adianta eu dar uma de José Dirceu, que pediu para trabalhar em um hotel com salário de R$ 20 mil, não conseguiu nada", disse Jefferson, citando o ex-ministro da Casa Civil que cumpre pena na Penitenciária da Papuda, em Brasília.

O ex-deputado disse não saber ainda em que presídio cumprirá pena, mas afirmou que ir para Brasília seria "um desastre", pois estaria longe dos médicos que o atendem desde o tratamento contra câncer de pâncreas a que se submeteu em 2012. Jefferson se disse angustiado com a espera pelo momento da prisão. "A expectativa vai te minando", declarou.

Bookmark and Share

Fonte: AE







O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.