Correio do Povo

Porto Alegre, 19 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
22ºC
Amanhã
15º 24º


Faça sua Busca


Notícias > Geral > Saúde

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

24/02/2014 20:26 - Atualizado em 24/02/2014 20:29

Ampliação do Clínicas será apresentada na Câmara dos Vereadores nesta terça

Hospital busca aprovação de lei para liberar obra que poderá triplicar capacidade de atendimentos

Hospital busca aprovação de lei para liberar obra que poderá triplicar capacidade de atendimentos<br /><b>Crédito: </b> HCPA/Divulgação
Hospital busca aprovação de lei para liberar obra que poderá triplicar capacidade de atendimentos
Crédito: HCPA/Divulgação
Hospital busca aprovação de lei para liberar obra que poderá triplicar capacidade de atendimentos
Crédito: HCPA/Divulgação

O Hospital de Clínicas de Porto Alegre e a prefeitura buscam na Câmara dos Vereadores uma solução para autorizar grande reforma que está parada no complexo. O projeto será apresentado nesta terça-feira na Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Casa numa tentativa de superar o entrave estabelecido pela Equipe do Patrimônio Histórico Cultural. A ampliação deverá aumentar a estrutura do HCPA em 70%.

Com as obras paradas nos últimos três meses, a Câmara dos Vereadores aprovou pedido de urgência na análise da questão. Agora, representantes do Clínicas vão participar da reunião na Cosmam. De acordo com a vereadora Jussara Coni (PCdoB), integrante da comissão, primeiro será feita a análise do projeto para então buscar as soluções possíveis dentro dos poderes da Casa.

"Vamos ter todo o empenho para resolver a questão. Queremos saber os entraves e vamos discutir todos os aspectos", salientou a vereadora. "Sabemos que os trabalhos estão emperrados há três meses por conta da análise urbanística e daremos o apoio necessário ao HCPA, por ser referência, hospital público, além de uma instituição de ensino e pesquisa", analisou.

A proposta deverá ampliar a emergência do HCPA para 5 mil metros, em comparação aos 1,7 mil atuais. Serão ao redor de 150 leitos de internação, com a possibilidade de triplicar o atendimento. A verba para a obra foi liberada e aguarda apenas que a situação burocrática seja resolvida.

Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo







O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.