Porto Alegre, sábado, 25 de Outubro de 2014

  • 31/03/2014
  • 11:34
  • Atualização: 11:42

Sistema BRT pode reduzir valor da tarifa na Capital, projeta EPTC

Corredores para tráfego rápido de ônibus devem começar a operar em 2015

Corredores para tráfego rápido de ônibus devem começar a operar em 2015 | Foto: Samuel Maciel / CP Memória

Corredores para tráfego rápido de ônibus devem começar a operar em 2015 | Foto: Samuel Maciel / CP Memória

  • Comentários
  • Karina Reif / Correio do Povo

Com a previsão de operação do sistema BRT (Bus Rapid Transit) em 2015, o diretor-presidente da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Vanderlei Cappellari, projeta um reequilíbrio da frota. “Haverá uma redução do número de viagens, porque diminuirá a quilometragem”, ressaltou. Isso pode impactar na tarifa, resultando em redução do valor.

A previsão é de que as 24 mil viagens até o Centro sejam reduzidas de 30% a 40%. No edital, publicado nesta segunda-feirta, consta que a implementação dos BRTs pode aumentar ou reduzir o objeto da concessão. A operação fica a cargo dos licitantes vencedores das respectivas bacias operacionais.

As concessionárias não poderão requisitar nenhuma indenização por esse motivo, a não ser por saldo residual de bens que sejam definidos como reversíveis. Na implantação de outro modal de transporte, incluindo metrô, também existe a possibilidade de ser reduzido o objeto da concessão.

Bookmark and Share