Porto Alegre, terça-feira, 21 de Outubro de 2014

  • 31/03/2014
  • 15:50

Localizada mãe de homem que teve o corpo esquartejado na Capital

Ao ser informada da morte do filho, a mulher entrou em estado de choque

  • Comentários
  • Rádio Guaíba

 A Polícia Civil localizou, em uma cidade não revelada no interior gaúcho, a mãe de um homem de 25 anos que teve o corpo esquartejado em seis partes e jogado dentro de um contêiner de lixo orgânico, no Centro de Porto Alegre. O delegado Felipe Bringhenti, da 2º Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa da Capital, explica que o corpo foi reconhecido pelo Departamento de Identificação da Polícia Civil, através das impressões digitais, e que ao ser informada da morte do filho, a mulher entrou em estado de choque e não conseguiu mais falar ao telefone. A mãe da vítima deve ser procurada em casa pela Polícia.

O delegado adiantou que as câmeras públicas existentes no entorno da rua Alberto Bins, onde fica o contêiner, não ajudaram na investigação. A Polícia examina, agora, imagens de equipamentos privados existentes no local. Em um segundo contêiner, a uma quadra de onde o corpo foi deixado, foram encontrados uma faca, um estilete e uma almofada com resquícios de sangue. O DNA do material vai ser analisado para atestar se há ligação entre os casos, explica Bringhenti. Não há prazo para que o resultado seja divulgado.

A Polícia ainda tenta esclarecer onde o homem vivia e se tinha emprego fixo e era casado, por exemplo. O delegado ainda mantém em sigilo a identificação do corpo, que foi dividido em seis partes - crânio, tronco, pernas e braços - e colocado em sacos de lixo. Uma catadora localizou o cadáver, nesse domingo. A suspeita é de que o crime tenha ocorrido na noite passada.

Bookmark and Share