Correio do Povo

Porto Alegre, 21 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
16ºC
Amanhã
14º 24º


Faça sua Busca


Notícias > Geral

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

07/04/2014 10:07 - Atualizado em 07/04/2014 10:30

Servidores da CEEE mantêm apenas 30% na ativa

Funcionários descumpriram decisão judicial

Os trabalhadores da Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE), que estão em greve há uma semana, decidiram na manhã desta segunda-feira  não cumprir a decisão judicial que determinava que 70% dos funcionários estivessem atuando. Conforme um dos diretores do Sindicato dos Eletricitários (Sinergisul), Luiz Carlos Pereira, será discutida na justiça uma multa de R$ 50 mil por dia.

O presidente da CEEE, Gerson Carrion, admitiu, no final de semana, problemas de interrupção de luz em função da greve. Além de falhas de interrupções de energia, problemas de atendimento do call center e de manutenção também foram antecipados pela representação.

Na próxima quarta-feira, diretores da Companhia e do Sindicato se reúnem no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) para avaliar a greve dos servidores da CEEE. A categoria rejeitou a proposta que previa o pagamento de 5,38% de reajuste salarial em parcela única e o aumento de R$ 5 no vale-alimentação - de R$ 845 para R$ 850. Os servidores querem 12% de aumento real, vale-alimentação de R$ 1,2 mil, manutenção do Plano de Participação nos Resultados (PPR) e auxílio maior para custear o plano de saúde, dos atuais R$ 275 para R$ 600 - o dobro do que a CEEE oferece.

Bookmark and Share


Fonte: Jerônimo Pires / Rádio Guaíba





» Tags:Greve Geral CEEE

O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.