Correio do Povo

Porto Alegre, 1 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
22ºC
Amanhã
19º 27º


Faça sua Busca


Notícias > Internacional

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

14/04/2014 09:12 - Atualizado em 14/04/2014 09:19

Mais de 70 morrem em duas explosões na capital da Nigéria

Feridos passam dos cem após ataque em terminal rodoviário

Feridos passam dos cem após ataque em terminal rodoviário <br /><b>Crédito: </b> STR / AFP / CP
Feridos passam dos cem após ataque em terminal rodoviário
Crédito: STR / AFP / CP
Feridos passam dos cem após ataque em terminal rodoviário
Crédito: STR / AFP / CP

Pelo menos 71 pessoas morreram e 124 ficaram feridas durante duas explosões em um terminal rodoviário localizado na periferia de Abuja, capital da Nigéria, nesta segunda-feira. Segundo a polícia, os ataques abriram um buraco de mais de um metro de profundidade no Nyanya Bus Park. Trinta veículos foram destruídos e causaram explosões secundárias no local. "Há no total 71 mortos e 124 feridos, que estão recebendo atendimento em hospitais de Abuja e nas redondezas", declarou o porta-voz da polícia, Frank Mba.

A suspeita recaiu imediatamente sobre a rede terrorista islamita Boko Haram, que faz ataques frequentes na capital nigeriana. Só nestes primeiros meses de 2014, 1,5 mil pessoas morreram. Entretanto, nenhum grupo extremista reconheceu a autoria dos ataques. "Eu não consigo contabilizar o número de pessoas mortas. Eles levaram muitos corpos nos veículos. As pessoas estavam correndo e houve confusão", disse o funcionário público Ben Nwachukwu.

Segundo a Agência Nacional de Gestão de Emergências, há suspeita de que as explosões partiram de um veículo, logo no começo da manhã. A polícia investiga o caso.

Bookmark and Share


Fonte: AFP / AE






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.