Porto Alegre, sábado, 25 de Outubro de 2014

  • 22/04/2014
  • 19:31
  • Atualização: 19:49

Madrasta de Bernardo consegue advogado para sua defesa

Profissional disse ser amigo da família de Graciele Ugulini

  • Comentários
  • Samuel Vettori / Rádio Guaíba

A madrasta do menino Bernardo Uglioni Boldrini, suspeita da morte da criança, conseguiu um advogado para defendê-la no caso. O defensor será Vanderlei Pompeu de Mattos, que disse ser amigo da família do pai de Graciele Ugulini, o ex-vice prefeito de Santo Augusto Plínio Ugulini. “Procurado por ele, não poderia ser covarde em não me movimentar em favor desse pai sofrido”, comentou. O acerto com a família ocorreu na segunda, uma semana após o corpo da criança ser encontrado.

• Leia mais sobre o caso Bernardo Boldrini

O defensor acompanhou o encontro da detida com a delegada que assumiu o caso, nessa segunda. Mattos esclareceu que a cliente preferiu não se manifestar à policial. Disse ainda que ela está bastante abatida. Mattos usou o termo “detonada” para tentar descrever a condição psicológica de Graciele.

O advogado alegou conhecer a agora cliente desde a infância. Ele garante não ter conversado com ela sobre o crime. Mattos já teve acesso a parte do inquérito policial e disse que vai analisar o documento para depois definir a estratégia de defesa.

O corpo de Bernando foi encontrado enterrado em um matagal de Frederico Westphalen, na segunda-feira da semana passada. Ele era considerado desaparecido há dez dias. A família vivia em Três Passos, distante cerca de 100km do local. Além de Graciele, estão presos o pai do menino, Leandro Boldrini, e a amiga do casal, Edelvania Wirganovicz. O advogado Vanderlei é irmão do ex-deputado Pompeu de Mattos.

Bookmark and Share